19 dez

Café corta o efeito da creatina? Mito ou verdade?

Café corta o efeito da creatina Mito ou verdade

Afinal café corta o efeito da creatina ou não? Já faz mais de duas décadas, que estudos são realizados para buscar respostas substanciais e com credibilidade sobre a dúvida tema do artigo de hoje. Quer saber as conclusões? Leia este post!

Quem não se rende ao aroma do café fresco, que provoca excitação apenas pelo cheiro gostoso que pode ser sentido de longe não é mesmo?

Será que está bebida antiga e tão amada pelos humanos é um vilão quando associado ao consumo de creatina?

 

Café x Creatina: O início de tudo…

 

Além do desconforto que gera a falta de respostas confiáveis quando o tema é polêmico, para vendedores e consumidores dos suplementos a base de creatina, a comunidade que pratica constantemente atividades físicas puxadas e treinos, automaticamente precisa assumir posicionamento próprio.

Optando, sem muitos esclarecimentos, pelo sim ou não, ou seja, agem por intuição mesmo.

Por si só, consumir ou não cafeína (elemento presente abundantemente no café) já instiga discussões entre atletas, treinadores e outros do meio, com muitos pontos controversos.

Há aqueles que defendem o consumo de café entre os treinos normalmente, enquanto que por outro lado estão aqueles que já aboliram literalmente a cafeína em busca de melhores resultados.

E como se sabe, no universo científico, uma premissa só é verdadeira enquanto não surgir um estudo que prove cientificamente que ela está errada.

No caso do combate entre cafeína e creatina é necessária uma leitura cautelosa dos resultados desses estudos, para não resultar em confusão.

Mas então, café corta o efeito da creatina mesmo ou é apenas um mito? Vamos desenrolar esse mistério nesse artigo, através da análise de estudos sobre o assunto.

 

Quando o café corta o efeito da creatina?

 

Em 1996, um estudo sobre o uso da cafeína no período de saturação da creatina deixou todos os bodybuilders transtornados:

A cafeína destrói os efeitos ergogênicos, acabando com a creatina presente nos músculos.

Você deve imaginar o que essa informação causou na comunidade atlética e científica na época (muita confusão).

Na ocasião, grande número de pessoas (atletas profissionais e eventuais) optaram por mudança de hábito e a decisão foi de cortar por tempo indeterminado aquele cafezinho gostoso, principalmente antes do treino.

Porém, depois de algum tempo descobriu-se que esse estudo se utilizou de altíssimas doses de cafeína para apurar os resultados, o que muda drasticamente todo o quadro.

No experimento em questão, a cafeína foi administrada ainda no período de saturação da creatina e, provavelmente, isso possa ter realmente afetado o efeito esperado.

Outro problema apresentado nesse estudo foi uma limitação na quantidade de amostras.

Apenas 9 das pessoas em cujo teste foi aplicado, apresentaram sinais de bloqueio da creatina pela cafeína.

Resumindo, dadas as inconsistências e limitações que o estudo apresentou, essa ideia foi sendo confrontada por outros prognósticos posteriores, porém com embasamento bem mais sustentável e confiável.

Até agora você já tem bons motivos para experimentar a creatina recomendada por nós que é Creatina em pó HTPro da Nutrition.

 

Café corta o efeito da creatina? Mito!

 

Em 1998, Vanakoski juntamente com uma equipe de especialistas no assunto todos integrantes do setor de farmacologia e toxicologia da University of Helsinki, localizada na Finlândia, realizam experimento aprofundados sobre o tema.

Neste estudo, mais consistente e que chegou à conclusão de que a combinação de cafeína e creatina não afetavam em nada o rendimento do treino ou os efeitos da creatina no organismo.

Nesse caso, a cafeína nem potencializava a produção de adrenalina para otimizar o rendimento da creatina nos músculos, nem se tornava um bloqueio para ela.

Essa conclusão chegou a desanimar quem acreditava que combinando os dois elementos teria um rendimento extra, o que parecia a coisa mais óbvia, dada a reputação da cafeína.

Contudo, como na comunidade acadêmica a atualização de estudos é o que dita as tendências, algumas coisas ainda iriam mudar.

Afinal de contas, poderia a cafeína não auxiliar no rendimento e estar presente em fórmulas de suplementos?

 

Café corta o efeito da creatina? Muito pelo contrário!

 

Bom, agora vamos finalmente para o último episódio da saga café x creatina: Os estudos mais recentes!

Creatina HTPro G01Creatina HTPro G02

Fukuda, especialista em biomecânica, Smith e Spradley, também do meio científico, desenvolveram pesquisas (os dois primeiros em 2010 e o último no ano de 2012) a respeito da combinação de cafeína e creatina para obter melhores resultados nos treinos.

E o resultado foi bastante interessante, destacando duas grandes sínteses:

  • Como tudo nada vida, a boa convivência da creatina com a cafeína só precisava da boa regulação de duas variáveis: tempo e quantidade;
  • O estudo observou que consumir a dose adequada de cafeína após um período de saturação com creatina otimiza os resultados finais;

Para esta análise em especial, atletas passaram por um período de saturação com creatina por 6 dias, fazendo uso de 0,3 gramas por quilo. Ao final desse período, esses atletas consumiram uma dose de 5mg por kg de cafeína.

Na prática, está quantidade dependendo do peso da pessoa, pode ser estimada entre 2 a 5 xícaras de café por dia.

O resultado dos atletas que fizeram uso da cafeína após o período de saturação da creatina, foi surpreendente, pois:

  • A primeira constatação foram os ganhos significativos no rendimento;
  • A segunda foi o aumento do tempo praticando os exercícios;
  • A terceira foi a possibilidade de atletas chegarem ao estado de fadiga muscular, sem prejuízos a estrutura.

Ou seja, esse estudo constatou que consumir uma grande quantidade de cafeína após fazer a suplementação com creatina durante 6 dias possui efeitos ergogênicos, ou seja, aumenta a performance, a força, a rapidez e desacelera a fadiga.

 

Como tirar boas Conclusões

 

Esses dois elementos “amados” pelos fisiculturistas e pela maioria das pessoas que malham, felizmente podem continuar sendo consumidos em concomitância.

#café: para estimular, animar e confraternizar!

#creatina: para melhorar a performance muscular e amenizar a fadiga muscular!

Contudo, para ambos a palavra de ordem é moderação!

Além disso, sempre recomendamos consultar profissionais experts nos assuntos, como nutricionistas.

Depois da nossa pesquisa, composição do artigo, entregamos a você mais informação para afastar a dúvida.

E como pode perceber, afirmar que a ideia de que café corta o efeito da Creatina é mito.

Leia também:

Questão: O uso da Creatina faz Mal?

O que é CREATINA, para que serve, como e porque tomar?

O que é Creatina Monohidratada, para que serve, ingestão e seus efeitos

E mais do que mito, podemos dizer que foi um equívoco que amplamente se difundiu através dos meios de comunicação e pela internet.

Contudo, não queremos com esse artigo gerar polêmicas ou denegrir estudos de ninguém, até mesmo porque futuramente novos experimentos serão feitos.

Pois assim como tudo, apontamos que a ciência muda a todo instante e por isso se faz necessário atualização de dados e de pesquisas para evitar esse tipo de equívoco.

Aqui no site, recomendamos que leia nossos artigos sobre suplementos, treinos, alimentação e saúde, para que você esteja sempre informado e ciente das tendências científicas dominantes.

Agora que você já sabe as diferentes teorias sobre café corta o efeito da creatina, deixe sua opinião abaixo e enriqueça nosso fórum de discussão!

Aproveite também para conhecer mais sobre o suplemento a base de creatina recomendado pelo site: Creatina HTPro da Nutrition, clique e acesse!

 

 

Referências

ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/9629989

CARVALHO, ANA PAULA PERILLO FERREIRA; MOLINA, GUILHERME ECKHARDT; FONTANA, KEILA ELIZABETH. Suplementação com creatina associada ao treinamento resistido não altera as funções renal e hepática. Revista Brasileira de Medicina do Esporte. Vol. 17. No. 4. São Paulo Jul./Ago. 2011.

Caso você tenha interesse em se aprofundar mais no assunto leia o “Cafeína e Creatina no Esporte e controvérsias de complicações do uso da Creatina a funções renais e hepáticas

 




Posts Relacionados

Sempre que for iniciar uma rotina de treinamento, consulte um Educador Físico. Sempre que for fazer uso de suplementos alimentares, procure a recomendação de um Nutricionista.

Todo o post publicado possui autorização expressa do autor. Não é autorizada a cópia total ou parcial de nenhum conteúdo disponível no site.

2 comentários em “Café corta o efeito da creatina? Mito ou verdade?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



INSCREVA-SE para receber dicas de treino, nutrição e suplementação

Ir para o topo

Copyright© 2018 Dicas de Treino.