02 abr

O que é o Cálcio, para que serve, função, carência, excesso, alimentos, suplementos

O que é o Cálcio,para que serve função carência excesso alimentos suplementos

Quando pensamos no Cálcio, a primeira coisa que nos vem à mente é o leite como fonte principal dele e também sua importância para os ossos. Obviamente, esse benefício existe mas não é o único que o mineral tem para oferecer.

Afinal, todos os nutrientes têm uma função mais específica, porém, atuam em diferentes áreas do corpo – já que somos uma máquina funcionando perfeitamente em todos os aspectos.

Por isso, no artigo de hoje, você vai conhecer mais sobre o cálcio. Saberá quais os benefícios dele para o nosso organismo, onde você pode encontrá-lo além do leite e quais os sintomas da sua carência ou mesmo do seu excesso.

Além disso, falaremos também como funcionam os suplementos que possuem o mineral como base e se vale a pena consumi-los. Confira mais abaixo tudo que separamos!

 

O que é o Cálcio?

 

O cálcio é o que os nutricionistas e médicos entendem como mineral essencial. Sem ele, provavelmente teríamos uma gravíssima deficiência, que poderia resultar em uma série de doenças.

Fundamental especialmente na infância, época onde o consumo de leite é maior, o cálcio se instala na formação dos dentes, evitando que haja uma deficiência no futuro e mantendo-os saudáveis, assim como os demais órgãos.

A quantidade ideal de cálcio a ser ingerida por dia gira em torno de 1000 mg. Embora pareça bastante, há muitos alimentos ricos no mineral e esse valor é facilmente atingido durante as refeições – especialmente quando há uma dieta equilibrada e saudável.

 

Para que serve o Cálcio?

 

Como falamos logo na introdução deste artigo, o cálcio não serve apenas para fortalecer os ossos e os dentes – embora essa seja um benefício importante que ele traz.

Além dessa função tão conhecida, o cálcio também age no sistema nervoso central, diminuindo o risco de doenças neurológicas e nos músculos, otimizando os treinos, ajudando a ganhar mais massa magra e trazendo uma formação muscular mais saudável – inclusive ajudando no transporte de proteína.

Leia também:

Vitamina B6, para que serve, benefícios, função

Vitamina B12, para que serve, benefícios, função

Vitamina C, para que serve, benefícios, função

Vitamina D, para que serve, benefícios, função

Em relação aos ossos, o cálcio atua de diversas formas, seja para mante-los saudáveis como para utiliza-lo como armazenadores do mineral. Quando há uma deficiência no organismo, essa reserva dos ossos será utilizada para as demais funções necessárias.

Por isso, é comum que a falta de cálcio apareça primeiro em doenças como a osteoporose, já que o corpo utilizou as reservas, deixando-os mais fracos e quebradiços. Porém, ao passar o tempo, os sintomas podem evoluir – como explicaremos mais abaixo.

 

Benefícios do Cálcio

 

Ossos mais saudáveis

Obviamente, o principal benefício do cálcio está na saúde dos ossos. E isso se estende também os dentes, que precisam do mineral para se manterem fixos e fortes.

Esse benefício é importante especialmente para atletas, que correm menos riscos de sofrerem lesões quando têm uma boa ingestão de cálcio.

Além disso, pessoas mais idosas devem aumentar consideravelmente a sua ingestão por dia, conforme os anos avançam. O mesmo vale para mulheres grávidas, que precisam passar dosagens significativas para o bebê.

 

Músculos mais definidos

Falando um pouco do benefício para o músculo, o cálcio tem uma função bem específica, que irá auxiliar na formação dele: a absorção e transporte de proteína. Por isso, é importante que pessoas em processo de ganho muscular ingiram diariamente uma quantidade razoável de cálcio, especialmente de forma natural – através da alimentação.

Além do transporte da proteína, o mineral ajuda muito no que os médicos chamam de “contração muscular”, que é o movimento necessário para que os músculos se fortaleçam. Sem ele, provavelmente as dores nesse processo seriam insuportáveis e o resultado da atividade seria nulo.

Por isso, quem treina pesado não pode deixar de lado uma alimentação rica em cálcio e também em proteínas. Ambos andam lado a lado para um resultado mais saudável e muito mais rápido.

 

Benefícios para a saúde em geral

Além dos músculos, dos dentes e dos ossos, o cálcio também atua na saúde de forma geral. Ele é importante para o cérebro, pois age no sistema nervoso central, diminuindo o risco de problemas neurológicos, especialmente quando estamos em formação – durante a gestação.

Outra atuação importante que não podemos deixar de citar é na pressão arterial. Alguns estudos sugerem que o consumo diário de cálcio pode diminuir muito o risco de problemas na pressão, deixando-a mais equilibrada e sem oscilações.

Creatina HTPro G01Creatina HTPro G02

Mais um bom motivo para quem treina pesado investir no cálcio, já que musculação e o exercício de forma geral podem interferir nesse sentido. Além disso, a pressão regulada diminui o risco de infartos ou problemas como AVC e outros mais graves.

No geral, o cálcio é fundamental não apenas para os ossos, mas para nossa saúde como um todo. Por isso, não deixe de consumir alimentos que contenha boas doses do mineral – como os que iremos listar mais abaixo.

 

Carência de Cálcio – O que ela causa?

 

Em todos os nossos textos a respeito das vitaminas e minerais, sempre fazemos um tópico para que seja possível identificar a carência deles. Isso é bastante importante para que você procure um médico sempre que notar algo de diferente em seu corpo. Com o cálcio, não será diferente. Anote os principais sintomas iniciais de que ele está em déficit no seu organismo:

Dores: As dores nos ossos podem aparecer como sintoma inicial da falta de cálcio. Ela acontece, basicamente, porque o mineral irá ser retirado deles para suprir a falta em outras áreas, deixando-os mais fracos e propensos às quebras. Para quem treina, será mais fácil notar que algo não vai bem com o corpo, já que as séries ficarão mais difíceis de serem realizadas.

Unhas fracas: Outro sintoma muito inicial da falta de cálcio são as unhas fracas, que quebram com facilidade. Rachaduras ou mesmo cor apática costumam indicar falta do mineral. Fique atento aos sinais!

Formigamento: É comum também haver formigamento nos membros, principalmente as pernas e mãos, sem motivo aparente ou sem que eles tenham ficado por muito tempo sem movimento. Os formigamentos podem piorar com o tempo e causarem até mesmo câimbras e as dores que citamos logo acima.

No geral, todos esses sintomas são mais iniciais e podem ocorrer logo nos primeiros dias onde a ingestão de cálcio é limitada. Vale lembrar que nosso organismo precisa de doses diárias do mineral e que, por isso, sua falta é sentida em pouco tempo. Porém, ao voltar à dieta normal, o mais comum é que os sintomas desapareçam com a mesma rapidez que chegaram.

 

Excesso de Cálcio – O que ele causa?

 

O excesso de cálcio tem um nome específico na comunidade científica, que é Hipercalemia. Esse excesso geralmente é causado por uma falha em sua absorção ou mesmo por causa de suplementos mal administrados. Por isso, é sempre importante procurar um médico antes de se auto-suplementar. Confira os principais sintomas do excesso de cálcio no organismo:

  • Por ironia, pode haver problemas nos ossos, que ficam sobrecarregados do mineral e sofrem uma exaustão. O problema costuma começar com dores localizadas e pode evoluir para dores muito mais severas e generalizadas.
  • Em casos mais graves de hipercalemia, os danos podem se estender ao cérebro e até mesmo ao coração, causando infartos ou AVC’s. Vale lembrar que são casos onde o excesso está instalado há muito tempo.
  • No geral, o mais comum é haver, além de dores locais, problemas gastrointestinais. Com a ida ao médico, ele poderá identificar o excesso do mineral e corrigir o problema.

 

Alimentos com Cálcio

 

Todos sabem que o leite e seus derivados são as maiores fontes de cálcio. Adultos devem sempre consumir o alimento, que também é rico em proteínas e lactose – além de gorduras ótimas para manter a saúde a saciedade. Porém, nem só do leite é possível ingerir doses boas de cálcio, que pode ser encontrado também em:

Vegetais como espinafre são ótimas fontes de cálcio, além de serem altamente nutritivos e com baixa caloria. Vale a pena manter ao menos um vegetal verde-escuro na dieta diária.

Grãos, como a soja: A soja é a outra opção para quem quer manter a dose de cálcio sempre em dia, especialmente para os veganos – que não tomam leite e nem comem seus derivados. No caso deles, é preciso dobrar o grão e consumi-lo todos os dias.

Castanha: Por fim, a castanha-do-pará é uma ótima opção como fonte de cálcio. Uma por dia já é o suficiente para essa finalidade.

 

Suplementação

 

Os suplementos de cálcio costumam ser indicados especialmente para os idosos, que sofrem com os problemas que citamos acima, devido à sua deficiência. Nesses casos, é importante manter sempre a dosagem correta, conforme o médico solicitar, evitando o seu excesso.

Leia também:

Vitamina B6, para que serve, benefícios, função

Vitamina B12, para que serve, benefícios, função

Vitamina C, para que serve, benefícios, função

Vitamina D, para que serve, benefícios, função

No geral, apenas esses casos exigem a suplementação e os atletas não precisam dela em excesso. Porém, há casos onde os suplementos de proteínas contém doses baixas do mineral e podem auxiliar no processo de ganho muscular.

 

Gostou do artigo? Curta e compartilhe com seus amigos!

 




Posts Relacionados

Sempre que for iniciar uma rotina de treinamento, consulte um Educador Físico. Sempre que for fazer uso de suplementos alimentares, procure a recomendação de um Nutricionista.

Todo o post publicado possui autorização expressa do autor. Não é autorizada a cópia total ou parcial de nenhum conteúdo disponível no site.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



INSCREVA-SE para receber dicas de treino, nutrição e suplementação

Ir para o topo

Copyright© 2018 Dicas de Treino.