«

»

mar 11

Treinamento funcional para emagrecer, já experimentou?

 

Que tal experimentar um tipo de treinamento diferente do habitual que além de promover ganhos de força, resistência, flexibilidade e equilíbrio, contribui também para o seu emagrecimento?

Provavelmente, você já ouviu algo sobre treinamento funcional. Mas o que é treinamento funcional? E como ele pode ajudar você a atingir a sua meta de emagrecimento?

Quando você segura um bebê se contorcendo, dá banho no seu cachorro, move o sofá para longe para aspirar por baixo dele ou pendura um quadro na parede da sala de estar, seu corpo não está usando um músculo isoladamente, mas muitos músculos que trabalham simultaneamente.

Como seres humanos, realizamos uma ampla gama de atividades motoras, como andar, correr, correr saltando, saltar, agachar, levantar, empurrar, puxar, dobrar, torcer, virar, iniciar e parar movimentos, subir, descer, etc. Portanto, o treinamento para melhorar a força funcional envolve mais do que simplesmente aumentar a capacidade de produção de força de um músculo ou grupo muscular. Pelo contrário, requer treinamento para melhorar a relação coordenada de trabalho entre os sistemas nervoso e muscular.

Nos últimos 10 anos, tem havido uma mudança no sentido de tornar o treinamento mais funcional. Um dos muitos sinais de que o treinamento funcional seria a onda do futuro foi quando os grandes fabricantes de máquinas de treinamento de força começaram a introduzir suportes de agachamento básicos e bancos de peso, bem como diversos acessórios no mercado de fitness.

O treinamento funcional tornou-se um chavão popular na indústria do fitness!

Exercícios funcionais são aqueles que incluem movimentos que imitam a maneira como seu corpo se move quando você pratica seu esporte favorito ou movimentos da sua vida cotidiana.

No extremo, algumas pessoas acreditam que imitando os explosivos, atividades balísticas de atletas de alto nível competitivo, estão treinando de forma funcional. Com demasiada frequência, no entanto, esses programas excederão em muito as capacidades fisiológicas do praticante médio, que em última análise, aumenta a possibilidade de uma lesão ocorrer.

Muitas pessoas pensam que o treinamento funcional envolve somente fazer exercícios elaborados e circenses que desafiam seu equilíbrio e coordenação, como fazer agachamentos em discos de equilíbrio ou fazer exercícios de empurrar e puxar em uma perna. No entanto, em muitos aspectos, o treinamento funcional deve ser pensado em termos de um contínuo movimento, nos três planos cardinais do movimento sagital, frontal e transversal.

Os exercícios funcionais não precisam ser complicados, nem exigem um tipo específico de equipamento. Na verdade, eles são muito básicos na natureza, muitos deles requerem apenas o seu peso corporal! Enquanto você progride em função de um programa de treinamento, no entanto, o equipamento pode ser necessário para dar-lhe bastante desafio.

Um método de treinamento funcional típico é tomar um exercício tradicional e criar padrões de movimentos diferentes. Por exemplo, você pode adicionar uma rotação do tronco ao efetuar um agachamento unilateral.

A mudança para o condicionamento funcional é fazer movimentos como agachamentos e lunges, envolvendo todos os músculos inferiores do corpo, bem como integrar o core (abdômen, lombar e quadril).

O exercício de flexão é um grande exercício funcional! Comece por progressão com a posição prancha. Você vai treinar os músculos essenciais para manter o corpo em uma posição apoiada. Para a maioria das pessoas, uma flexão de corpo inteiro é muito difícil. Então, para diminuir a carga, fique de joelhos ou de pé e realize a flexão em uma parede. Uma vez que a flexão é dominada, você pode querer evoluir para o equipamento que desafia o seu desempenho, como usar uma bola bosu.

O principal objetivo do treinamento funcional é transferir as melhorias na força obtidos em um movimento para melhorar o desempenho de um outro movimento, afetando o sistema neuromuscular inteiro. Porém, quando você está movendo várias partes do corpo e em direções diferentes, você também está aumentando seu gasto calórico, e isso contribui com o seu processo de emagrecimento! O movimento conjunto de vários músculos eleva o gasto calórico sem que você perceba. Assim, você queima calorias e emagrece mais rápido do que imaginava!

Portanto, o treinamento funcional é excelente para perda de peso porque o aumento do recrutamento de fibras musculares e também o aumento da frequência cardíaca resulta em um otimização na quantidade de calorias queimadas, elevando o seu metabolismo mesmo após ter terminado o seu treino.

A maioria dos exercícios deve ser feitos de pé e deve ser pluriarticular, mas ao mesmo tempo, deve ser dada atenção ao desenvolvimento dos grupos estabilizador do quadril, do tronco e do ombro.
Não há limite ou restrições sobre o que você pode usar em um treinamento funcional. Você pode usar o seu peso corporal, kettlebells, halteres, cordas, cabos de suspensão, fitball, barras, medicine balls, sacos de areia, caneleiras, bastão, anilhas, cabo de vassoura, elásticos, cones, bosu, aros, step, plataformas de equilíbrio, jump, etc.

Para aumentar o gasto calórico, o treinamento funcional deve ser realizado em circuito, onde cada exercício deve durar de 30 segundos a um minuto, passando em seguida para o próximo exercício. Depois de ter completado um circuito, descansar por um a dois minutos e realizar mais dois circuitos. Ou se você preferir, faça uma recuperação ativa, em vez de descansar, faça abdominais no intervalo de um circuito para outro.

 

Espero que tenham gostado, um grande abraço e até o próximo Post!!

 

O post publicado possui autorização expressa do autor, todo o conteúdo exposto é de responsabilidade do mesmo.

 

Enviado pela Personal Trainer e Psicóloga Esportiva Renata Fernandes.

  • Licenciada em Psicologia | CRP 05/ 26535;
  • Licenciada e Bacharel em Ed. Física | 037930 – G/RJ;
  • Pós-Graduada em Psicossomática, Obesidade e Emagrecimento;
  • Especializada em Programação Neurolinguística; e Coaching;
  • Facebook

 

49 comentários

Pular para o formulário de comentário

  1. S. Luna Barion

    Legal, trás bem a ideia de funcional para que? Ou melhor para quem? O que é funcional para um jogador de futebol, vôlei ou tenista é funcional para uma pessoa normal? As atividades tem que ser ministradas de forma a possibilitar a melhora do desempenho do cliente no cotidiano. E não coloca-lo em uma bola suíça e pedir que faça desenvolvimento.

  2. Renato Borges de Sousa

    O artigo está muito bom, Renata. E como é que se monta um circuito para treino funcional?! Que tipo de combinações de exercícios devemos fazer? Pode dar um ou dois exemplos de circuitos para eu me basear?

    Obrigado

    1. Renata Goncalves Fernandes

      Olá Renato! Um circuito para treinamento funcional é montado da mesma forma que um circuito comum, sendo que os exercícios são pluriarticulares. Ex: numa fita de TRX, você pode fazer um agachamento segurando na fita e ao levantar, fazer uma remada. Outro ex: fazer passada com abdução de ombro segurando dois halteres. Mais um: fazer flexão de braço com remada utilizando halteres. Então, para fazer um circuito vc deve montar, em média, 12 estações de exercícios. Aí vc faz um exercício durante 1minuto e passa para o próximo exercício sem descansar, fazendo novamente 1 minuto e passando para o próximo, sucessivamente sem descanso. Quando vc completar um circuito, vc pode descansar por 1 a 2 minutos e retornar para o circuito; ou se preferir (eu prefiro!!!) fazer um descanso ativo com abdominais ou exercícios aeróbicos (caminhar, correr, pedalar…). Espero tê-lo ajudado, um grande abraço.

      1. Renato Borges de Sousa

        Ajudou, sem dúvida. Muito obrigado pela sua ajuda e esclarecimentos.

        Só mais uma pequena questão. É possível conseguir hipertrofia com este tipo de treino, ou ele é simplesmente para queima de gordura corporal e melhoramento da condição física?

        Muito obrigado,

        Um abraço

        1. Renata Fernandes

          Olá Renato! A hipertrofia e força muscular estão associadas ao treino de alta intensidade e microlesões musculares. Existem vários fatores que contribuem para a hipertrofia, como o número de exercícios, séries, carga, velocidade de execução, intervalo de recuperação entre as séries, a ordem dos exercícios, a alimentação, as horas de sono, etc. E os hormônios também têm significativa importância! A testosterona influencia positivamente o aumento de massa e força muscular, e o treino intenso por si só aumenta a liberação da testosterona sérica. Portanto, depende de várias variáveis para que a hipertrofia ocorra. Se vc fizer um treinamento funcional de alta intensidade e controlar as outras variáveis adequadamente, acredito que vc consiga hipertrofiar sim! Abraço

  3. Priscila Muniz

    Gostei muito do post. Mas estou procurando ajuda sobre uma lesão que tenho no ligamento, procurei no site, mas ainda não encontrei : minha lesão é no ligamento cruzando interior, o resultado da ressonância é que o ligamento está rompido. Estou fazendo musculação e alongamentos, o joelho está bem melhor, uns 50%. Por isso, estou pensando em fazer a cirurgia, pois meus movimentos são limitados, não posso fazer uma penca de exercícios, pois sinto dores, nem mesmo correr e principalmente atividades que exigem muito do joelho. Gostaria de algumas dicas de treino, e sua opinião sobre a cirurgia…

    1. Renata Goncalves Fernandes

      Olá Priscila! Primeiramente vamos ao mais importante no momento: o seu joelho. Fazer ou não a cirurgia é uma decisão somente sua, que deve ser tomada junto com o médico (de sua confiança!). Como o resultado da ressonância é o rompimento do ligamento cruzado anterior, sabemos que o mesmo não irá se regenerar… Portanto, você ficará com os seus movimentos limitados. Então, cabe a você decidir se vale a pena, ou não, tentar recuperar os movimentos perdidos. Considere a opção de fazer a cirurgia se você apresenta grande instabilidade no joelho, se você for jovem e gosta de praticar esportes e se você quiser prevenir lesões futuras. Em relação a dicas de treino… é muito difícil prescrever exercícios à distância sem saber se houve rompimento parcial ou completo… quanto grau de limitação têm os seus movimentos… etc. Desculpe-me se não atendi todas suas necessidades. Abraço, Renata.

      1. Priscila Muniz

        Obrigada Renata!
        Sua opinião sobre a cirurgia foi importente!
        Tenho 29 anos e pretendo engravidar, além de gostar muito de praticar esportes (o que não posso por conta do joelho), por tudo isso, penso que a cirurgia será importante. Sobre o treino, estou fazendo musculação, isso tem ajudado muito. Abraço, Priscila.

  4. Cynthia

    Boa noite,
    O TRX é um treinamento funcional tambem????
    Por acaso voces ja ouviram falar de LINK? Sabem do que se trata? E qual a diferença?
    Desde ja muito obrigada
    Cynthia

    1. Renata Fernandes

      Olá Cynthia! O TRX pode ser considerado uma ferramenta para o treinamento funcional, pois baseia-se no treino de força e da propriocepção, recrutando as principais estruturas do “core” e promovendo a estabilização das articulações em todos os exercícios. O TRX permite o uso de múltiplos planos de movimento e trabalha vários músculos e articulações ao mesmo tempo, por isso o seu sistema de treinamento é considerado funcional. Quanto ao LINK, nunca ouvi falar… até pesquisei, mas não encontrei nada sobre. Se você conhecer algum site que fala desse LINK, nos informe, por favor. Abraço, Renata.

  5. Mariele

    Olá Renata! Gostei muito do seu artigo! Eu tive bebê há 4 meses e estou voltando a praticar exercícios agora..então pensei em fazer treinamento funcional pois meu objetivo é a perda de peso e fortalecimento para voltar a correr. Este tipo de treino pode substituir a musculação e me ajudar a voltar a correr? Gostaria de algumas dicas sobre o melhor treino. Ah preciso falar que não gosto muito de fazer musculação então se o treinamento funcional substituir vou ficar bem feliz…rs.
    Obrigada!!
    Abraços,

    1. Renata Fernandes

      Olá Mariele! Esse tipo de treino pode sim substituir a musculação, pois trabalha-se a força e a resistência musculares, bem como a flexibilidade, o equilíbrio, a agilidade… e outras valências físicas importantes que a musculação não abrange. Infelizmente não posso elaborar um treino para vc sem conhecê-la pessoalmente, pois não tenho “receita de bolo” e planejo o treinamento conforme as características, as necessidades e os objetivos da pessoa. Mas saiba que o melhor treino é aquele que satisfaz às suas necessidades e que a deixa feliz. O importante é se exercitar e deixar o sedentarismo de lado! Espero tê-la ajudado. Abraços, Renata.

  6. cassia

    Olá Renata! Gostei muito do seu artigo!e estou voltando a praticar exercícios agora..então pensei em fazer treinamento funcional pois meu objetivo é a perda de peso pois estou muito acima do peso ideal para minha altura. Este tipo de treino pode substituir a musculação Gostaria de algumas dicas sobre o melhor treino. Ah preciso falar que não gosto muito de fazer musculação então se o treinamento funcional substituir como devo forma um circuito p malhar em casa voce pode me ajudar a montar.
    Obrigada!!

    1. Renata Fernandes

      Olá Cassia! Esse tipo de treino pode sim substituir a musculação, pois além de trabalhar a força e a resistência musculares, trabalha-se valências físicas que a musculação não abrange, tais como a flexibilidade, o equilíbrio, a agilidade… Infelizmente, é praticamente impossível elaborar um programa de treinamento à distância sem conhecê-la pessoalmente, pois não tenho “receita de bolo” e planejo o treinamento conforme as características, as necessidades e os objetivos da pessoa. Se vc morar no Rio e for na região em que eu trabalho, posso ajudá-la. Se houver interesse, entre em contato. Abraço, Renata.

  7. Suely costa da Silva

    Parabéns

    1. Renata Fernandes

      Obrigada Suely! Abraço.

  8. adair viana teixeira

    Oi Renata. Iniciei uma Pós-graduação em treinamento funcional e estou apaixonado por este “método de treinamento”, e penso em um futuro bem próximo abrir uma sala para trabalhar com funcional. gostaria de dicas de material para iniciar a trabalhar em uma pequena sala, obrigado, abraço

    1. Renata Fernandes

      Olá Adair! O que eu acho que não pode faltar é um TRX, bosu, medicine ball de 3 kg, fitball de 65 cm, elásticos com vários níveis de resistência, cones, steps, mini-trampolim, corda, anilhas, barra de 1,20 cm, halteres, caneleiras… Para começar, essa é uma lista básica, pois há inúmeros acessórios no mercado. Abraços.

  9. Eduardo de Oliveira

    Olá Renata.
    Estou querendo voltar a fazer exercicios e também querendo perder 12kg até a metade de fevereiro, mas to parado a um tempão. Sei que força de vontade é o começo, mas quais os exercicios e/ou outras práticas que posso fazer de inicio, para que eu consiga chegar ao meu objetivo?
    Desde já agradeço, e parabéns pelo artigo.

    1. Renata Fernandes

      Olá Eduardo! O ideal é que vc se matricule em uma academia para ter uma orientação profissional ou contrate um personal. Mas se vc deseja se exercitar sozinho e já tem um histórico de prática, na primeira semana comece caminhando ou alternando leves trotes com caminhada. Se a caminhada já estiver fácil, corra! A corrida é ótima para gastar calorias e ajudar no emagrecimento. Vc pode fazer agachamento, flexão de braço, barra, paralela, abdominal… alguns exercícios que não necessitam de acessórios ou aparelhos. Aqui mesmo no site há várias dicas de exercícios, é só procurar. Se possível, exercite-se todos os dias. No mínimo, faça os exercícios aeróbios 5x/semana e os de força 3x/semana e procure tb melhorar a sua alimentação. Assim, com certeza, vc conseguirá eliminar os 12 kg que vc deseja. Abraços.

  10. Elisabeth Pinheiro

    Estou começando com uma turma de amigos a fazer atividades funcionais 3x por semana pra perda de peso o que vc recomenda de equipamentos para variar as atividades e q tem um baixo custo. Obrigada.

    1. Renata Goncalves Fernandes

      Olá Elisabeth! A fita de TRX é imprescindível, pois dá para trabalhar o corpo todo com ela. Fit ball, corda, elásticos, alguns halteres e colchonetes são equipamentos básicos para treinar. Abraços.

  11. claudia sofia santana

    gostei bastamte de todas as suas orientaçoes.tive agora um esclarecimento muito bom sobre treinamento funcional ,obrigada pelas informaçoes,o que me ajudou bastante como professora de educaçao fisica .parabéns,e obrigada renata.

    1. Renata Goncalves Fernandes

      Obrigada Claudia! Abraços.

  12. Renata Campolina

    Faço musculação há uns 4 anos e agora resolvi trocar a musculação pelo Treinamento Funcional.
    Quero emagrecer e faço acompanhamento com uma nutricionista.
    Com o Treinamento Funcional (2 x por semana) será mais rápido na minha perda de peso?

    1. Renata Goncalves Fernandes

      Olá, Renata! Não tenho como responder isso para vc, pois a eliminação de peso envolve vários aspectos. Mesmo que eu foque somente na parte de exercícios físicos, também não há como saber se vc eliminará peso mais rápido com o treinamento funcional, pois depende da intensidade e da duração do treino. Em vez de trocar, por que vc não pratica os dois?! Assim, vc poderá ter um resultado mais rápido. Pense nisso! Abraços

  13. gilmara mateus

    oi… renata estou fazendo tf já faz um més mas tenho dores no joelho meu personal diz que é sobre carga pq nunca tinha feito nada parecido no maximo uma caminhada o que posso fazer para melhorar essa dor……mas estou gostando muito pq em um me´s já perdi 4 kilos estou muito satisfeita desde já muito obrigada…………

    1. Renata Goncalves Fernandes

      Olá, Gilmara! Discordo do seu personal. Vc não tem que sentir dor no joelho. Se há movimentos que doem o joelho é porque vc não deve realizá-los. Penso que, primeiramente, vc deveria fazer um fortalecimento muscular para proteger a articulação do joelho. Abraços.

  14. JKB

    Conhece um personal em Sao Paulo que trabalha com isto? Faz muito tempo que estou buscando, e dificil achar. Obrigado.

    1. Renata Fernandes

      Olá, JKB! Como sou do Rio, não conheço personal em SP. Talvez nas grandes academias vc encontre algum. Abraços.

  15. marisa

    Oie Renata.Renata, tenho dores na lombar, estou pensando em fazer treino funcional,será que tem algum problema em fazer?
    Aguardo.Obrigada.

    1. Renata Goncalves Fernandes

      Olá, Marisa! O treinamento funcional é ótimo para quem apresenta dores nas costas, pois trabalha-se o core (abdômen, quadril e dorsal) quando realizado de forma adequada com orientação profissional e qualificada. Super indico! Abraços.

  16. Rogerio Barros

    Olá Renata, muito esclarecedora sua matéria e suas respostas. Fiz um treino experimental e me empolguei bastante. Agendei para realizar as avaliações necessárias e iniciarei os treinamentos, 2 x por semana com o personal, já próxima semana. Sou praticante de Aikido e gostaria que o Treinamento Funcional me auxiliasse em meu desempenho para realizar as técnicas dos golpes, com equilibrio, flexibilidade, velocidade e concentração de energia. Há alguma orientação ou dica, conforme a sua experiência, que eu possa agregar nos treinos ou discutir com o personal, para melhorar minha eficiência na prática de Aikido?

    1. Renata Goncalves Fernandes

      Olá, Rogerio! Não tenho intimidade com esse tipo de luta e, no momento, não lembro de algo específico para o seu treino. Porém, o seu personal, se for um profissional capacitado, irá procurar compreender melhor essa arte marcial para elaborar o seu treino (faria isso no lugar dele!). Discuta isso com ele. Abraços.

  17. Rodrigo

    Primeiramente parabéns pelas informações aqui passadas a todos e principalmente a quem entende alguma coisa sobre o assunto, porém nunca praticou. A minha pergunta é a seguinte, como dentro de uma academia de musculação eu posso incluir nos meus treinamentos esse treinamento funcional sem esses aparatos todos que você cita durante suas respostas para as pessoas que querem tanto ministrar os treinos como Pra quem quer apenas praticar sozinho assim como eu??
    Por exemplo, de todos esses equipamentos que você cita na minha academia tem apenas alguns como: bola, corda, caneleiras, cama elástica, e os aparelhos e pesos de musculação em si…
    É possível você me apresentar alguns exemplos Pra me dar uma luz ao menos que o resto a gente descobre com o tempo de pratica pois sei que criatividade ajuda muito em treinamento funciona..
    Desde ja Obrigado pela atenção

    1. Renata Fernandes

      Olá, Rodrigo! Alguns exemplos já foram citados nas respostas acima. Há vários exercícios somente com o uso do peso corporal que precisariam ser demonstrados… Procura no YouTube que vc encontrará e ficará mais fácil de compreender a execução do movimento. Abraços.

  18. Simone

    Olá pessoal, Iniciei o meu treinamento há 4 meses, já eliminei 5kg, sem dietas radicais, e percebi uma grande melhora do meu condicionamento, estou perdendo medidas e minhas curvas que havia perdido devido a gravidez já estão voltando…
    Este treinamento é muito eficaz!!

    1. Renata Goncalves Fernandes

      Olá, Simone. O treinamento funcional é ótimo mesmo. Parabéns por estar voltando a sua forma. Abraço.

  19. João Luis

    Renata, tudo bem? Primeiro parabéns. Muito boa a matéria, e legal a atenção que você dá a todos os comentários.
    Aproveitando dessa atenção, gostaria de algumas informações a respeito do treinamento funcional. Estou começando a trabalhar com o TF, li algumas coisas, pesquisei outras coisas e assisti algumas coisas do TF. Estou me organizando para um Curso em breve, mas gostaria de dicas ou informações sobre Prescrição de exercícios funcionais.
    O que devo analisar primeiro? Como iniciar um treinamento com um aluno iniciante no funcional?
    Ex. Assim como para um iniciante em academia há um treino de adaptação, em Funcional há alguma coisa ‘parecida’? como que ‘padrão’?
    Tenho essas dúvidas ainda, se for possível algumas dicas, agradeço muito Renata.
    e repito, Parabéns pela atenção aos seus leitores e à matéria postada.

    1. Renata Goncalves Fernandes

      Obrigada, João Luis. Primeiro vc deve analisar a aptidão física dele como em qualquer modalidade que vc irá trabalhar, seja na musculação ou na natação. E não há um treino “padrão” e, sim, adequação do grau de dificuldade conforme as capacidades da pessoa. Há uma progressão pedagógica como em qualquer atividade. Por exemplo, na flexão de braço: primeiro faz com o joelho apoiado no chão e com o apoio das mãos num step, depois com o joelho apoiado no chão mas com o apoio das mãos no chão, depois sem o joelho apoiado mas com o apoio das mãos num step, e assim sucessivamente até a pessoa conseguir fazer variados tipos de flexão como um tipo em que vc conjuga flexão com remada ou tirando uma perna de apoio, etc. Para vc poder compreender melhor como se utiliza o treinamento funcional o ideal seria que vc praticasse também. Aprendi muito mais na prática do que na teoria. Abraço.

      1. João Luis

        Muito Obrigado pela resposta Renata.
        A respeito da iniciação no TF, li sobre, com um iniciante, trabalhar primeiro equilíbrio,e também fortalecer primeiro o abdômen (núcleo) para o fortalecimento do corpo de forma global, e depois partir para outras coisas. Por isso perguntei se tem um “sistema padrão” (usei a palavra padrão não como forma de depreciar o TF (não foi isso que quis dizer no comentário acima)), mas com a dúvida se no TF tem um sistema de: primeiro trabalhar ex: equilíbrio, abdômen, etc.. ou, se essa é uma forma de um profissional trabalhar o TF.
        Sobre praticar, eu penso em começar a praticar também, justamente como você me orientou, e espero assim como você aprender com a prática.
        Renata, agradeço mais uma vez pela sua disposição, obrigado por me ajudar a tirar algumas dúvidas, e me desculpe por alguma coisa no comentário acima e neste segundo também.
        Obrigado, e Parabéns.

  20. Sharline Melo

    Olá, gostei muito do post achei bem interessante. Gostaria de tirar uma dúvida, tenho condromalácia patelar no estágio 1, e quero saber se existe alguma restrição em eu fazer o treino funcional na areia.

    1. Renata Fernandes

      Olá, Sharline. Não vejo motivo para restrição se você não sente dor, porém, o treino deve ter um acompanhamento profissional, pois nem todos exercícios você pode fazer. Abraço.

  21. Carlos Daniel

    Posso fazer treinamento funcional e musculação??

  22. Carlos Daniel

    Posso praticar os dois???
    Treinamento Funcional e Musculação
    Ou há alguma restrição???

    1. Renata Fernandes

      Olá, Carlos Daniel! Sim, você pode e deve praticar os dois tipos de treinamento. Só tenha cuidado para não sobrecarregar algum grupamento muscular. O ideal é fazer um programa de treino junto com um profissional para você não repetir o mesmo grupo muscular seguidamente. Abraço.

  23. Tatiane Cristina

    Olá professor, odoooooorreeiii seu post!!!
    Gostaria de saber se esse tipo de treina mento eu consigo ter um resultado mais preciso em relação ao emagrecimento, ou seja mais rápido.. Desde já obrigada!

    1. Renata Fernandes

      Olá, Tatiane! O emagrecimento envolve inúmeros fatores, e a prática de exercícios é um deles. Porém, se você só contar com o treinamento para emagrecer, ele terá que ser feito de forma intensa (entre 75 e 90% da Frequência Cardíaca máxima) e, de preferência, todos os dias. Portanto, o ideal é que você também adeque a alimentação para o seu objetivo. Abraço. Renata.

  24. Mariano

    Olá Renata. Bem explicativo o texto, e bem funcional…rsrs. Em um circuito de praia, com cerca de 10 a 15 alunos tendo o mesmo numero de equipamentos, ou seja, uma estação para cada aluno. Cada aluno realizaria os exercícios cerca de 2 minutos e logo em seguida passaria p o próximo, qd todos já estiverem participados, fazer corridas alternadas (frente, costa, lateral) por cerca de 10 minutos, depois voltar e executar novamente o circuito, so que dessa vez por cerca de 40 segundos( nos circuitos teriam abdominais, corridas, saltos, deslocamentos, agachamentos, com variados materiais). O que vc acha, ficaria legal. Abraço e obrigado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Current day month ye@r *