08 jan

O que é a Vitamina B12, para que serve, benefícios, função, carência, excesso, alimentos e suplementos

O que é a Vitamina B12, para que serve, benefícios, função, carência, excesso, alimentos e suplementos

Estar nutrido é fundamental para o nosso corpo, que precisa sempre de vitaminas e minerais para funcionar corretamente, independente se fazemos ou não exercícios físicos com regularidade. Porém, quem treina pesado precisa estar ainda mais atento ao valor de cada vitamina e como elas agem no organismo separadamente. Hoje, iremos falar de uma das mais importantes do complexo B: A vitamina B12 ou também conhecida no meio científico como Cobalamina.

Falaremos um pouco sobre sua interferência positiva e negativa no organismo, onde é mais fácil encontrá-la e quais são os cuidados necessários para evitar a carência ou o excesso da sua ingestão. Nosso intuito é trazer um conteúdo objetivo e completo sobre todas as vitaminas presentes na natureza e fundamentais para o corpo. Confira logo abaixo tudo que separamos sobre a Cobalamina!

 

O que é a vitamina B12?

 

A vitamina B12 ou Cobalamina é uma das vitaminas mais importantes do complexo B, sendo considerada essencial para o bom funcionamento do corpo, independente se há ou não atividades físicas sendo praticas regularmente. Embora haja essa necessidade fundamental, a vitamina B12 infelizmente hoje é considerada a que mais está em deficit na população mundial e é motivo de preocupação em diversos país do mundo, especialmente na África e até mesmo em países de primeiro mundo como Estados Unidos.

Essa deficiência geral da vitamina se dá especialmente porque ela é encontrada em alimentos mais específicos – falaremos mais deles abaixo – e também porque o nosso estômago precisa ter um bom nível de um ácido capaz de transformar os nutrientes dessa alimentação na Vitamina B12. Idosos e pessoas com anemia podem apresentar baixo índice deste ácido, gerando então a diminuição da vitamina no corpo.

A vitamina B12 é essencial para o funcionamento do nosso sistema nervoso e, sem ela, nossas funções mais básicas e essenciais podem ficar comprometidas. Por este motivo, quando não há ingestão natural da vitamina, a recomendação médica de suplementação deve ser seguida a risca, sem exceção. Vamos entender mais abaixo para que ela serve especificamente e quais seus benefícios.

 

 Para que serve a Vitamina B12?

 

É sempre importante lembrar que as vitaminas funcionam em conjunto com os demais nutrientes do nosso corpo e sozinhas não são capazes de nos proteger de todas as doenças e infecções que podem surgir. Por isso, não se esqueça que apenas a alimentação completa é a chave para uma ingestão diária de todas os nutrientes que precisamos para nos manter saudáveis.

Em relação à vitamina B12, sua função está bastante ligada com o nosso sistema nervoso, como o nosso cognitivo e nossa capacidade de concentração. Ela desempenha um papel essencial para manter nosso cérebro funcionamento corretamente e ainda atua em outras áreas impedindo a manifestação de doenças diversas, como as do coração. Uma forma de resumir a vitamina B12 é dizer que ela é uma das que mais podem definir nossa saúde, sendo que sua deficiência pode causar problemas sérios em diversas áreas do corpo. Vamos entender um pouco mais sobre seus benefícios!

 

Benefícios da Vitamina B12

 

Previne doenças cardíacas

Como dissemos lá em cima, a vitamina B12 é capaz de prevenir doenças cardíacas graves, como infartos. Isso porque ela age diretamente no combate de aminoácidos relacionados com o aumento de pressão arterial e de colesterol ruim, sendo uma das principais do complexo B a oferecer este benefício.

Além disso, a vitamina B12 ajuda a desinflamar artérias, o que pode significar uma considerável diminuição dos ataques cardíacos por bloqueio arterial. O mesmo acontece com derrames e tromboses.

 

Proteção para o sistema nervoso

Um dos benefícios de se consumir a vitamina B12 com frequência é sua proteção geral para o sistema nervoso como um todo, desde evitando distúrbios psiquiátricos como depressão e ansiedade, como evitando problemas severos como perda de memória e até mesmo a perda de funções cognitivas. Um bom exemplo é o Alzheimer, que ainda não tem uma causa definida, mas que está altamente relacionado com problemas nos neurotransmissores. Embora algumas doenças tenham um caráter genético para ser levado em conta, a alimentação é um fator fundamental para a maioria delas.

 

Aceleração do metabolismo

Assim como a vitamina B6 e as demais do complexo B, a vitamina B12 age diretamente no metabolismo, ajudando a converter mais rapidamente os carboidratos em glicose, fazendo com que haja muito mais energia circulando pelo corpo e mais força muscular, especialmente para quem treina pesado. Este é o motivo pelo qual a maioria dos suplementos para atletas trazem vitaminas do complexo B em sua composição, embora em valores bem abaixo do recomendado diariamente – já que a alimentação deve suprir o restante e qualquer vitamina em excesso pode causar riscos problemas gerais ao organismo.

 

Whey Protein GrowthWhey Protein Growth

Melhor o humor

A vitamina B12, além de agir nos neurotransmissores e na proteção geral do cérebro, também diminui os riscos de depressão e ansiedade, por estar relacionada à produção de mais serotonina e hormônios capazes de equilibrar o humor de maneira geral. Uma dose diária da vitamina é fundamental nesse sentido.

 

Saúde em geral

Por fim, temos que citar alguns benefícios extras da vitamina B12, como mais saúde digestiva devido à sua relação com a produção de bactérias saudáveis do estômago e mais enzimas capazes de quebrar gorduras problemáticas. Fora isso, a vitamina B12 também pode ajudar a promover uma gravidez mais saudável e prevenir problemas como anemia severa, devido à sua ajuda em produzir mais glóbulos vermelhos no organismo.

 

Carência de Vitamina B12 – O que ela causa?

 

A carência de Vitamina B12 pode causar uma série de sintomas, que variam de acordo com o tamanho do déficit e há quanto tempo ele está presente no organismo. Vamos listar os principais sintomas e os que mais facilmente são percebidos:

Fadiga e cansaço: A fadiga é o primeiro sintoma a ser considerado e percebido quando há a falta de vitamina B12 no corpo. Como ela está ligada diretamente com o metabolismo, seu déficit é facilmente percebido no cansaço extremo e falta de energia. Vale a pena procurar um médico e melhorar a alimentação quando o sintoma surgir.

Mudanças no humor: O segundo sintoma mais comum está relacionado ao humor. Pode haver falta de motivação, irritabilidade e sintomas gerais de início de depressão, além de ansiedade exacerbada.

Anemia e problemas de saúde: Por fim, quando a falta de vitamina B12 chega a um nível mais alto, pode haver início de anemia e outros problemas de saúde, como os neurológicos e no coração.

 

Excesso de Vitamina B12 – O que ele causa?

 

Assim como o seu déficit, o excesso de vitamina B12 pode causar alguns sintomas desagradáveis, como:

Alterações de humor: Como no caso da deficiência, o excesso de vitamina B12 pode causar mudanças bruscas de humor, como variações ao longo do dia e euforia seguida de sintomas de depressão.

Reações alérgicas: O sintoma mais comum do excesso de vitamina B12 são as reações alérgicas, como erupções no corpo e coceira desconfortável. Isso acontece mais especificamente com o uso de suplementos vitamínicos sem prescrição e raramente devido à alimentação. Vale a pena suspender o uso deles caso os sintomas apareçam, a fim de saber se eles estão mesmo relacionados à vitamina.

 

Alimentos com Vitamina B12

 

Os alimentos que contém vitamina B12 são diversos, porém, alguns têm uma concentração maior e podem ser priorizados no caso de deficiência ou recomendação médica. Separamos os principais logo abaixo:

Alimentos proteicos: Os alimentos proteicos, velhos conhecidos por quem treina são os que mais contém vitamina B12 em sua composição. São os ovos, leites e carnes em geral, especialmente a carne de porco e a de boi.

Frutos do mar: Os frutos do mar como salmão e trutas são excelentes opções para obtenção de vitamina B12, além de serem fontes de ácidos graxos, como o ômega 3. Vale a pena investir no consumo ao menos uma vez na semana, variando sempre entre peixes e outros frutos do mar. O bacalhau também conta com uma boa dose de vitamina B12, embora seja menos acessível devido ao seu preço elevado.

Outros alimentos: Além dos alimentos proteicos e frutos do mar, é possível encontrar a vitamina B12 em uma série de cereais, como soja, por exemplo. Para quem não come carne, eles são excelentes alternativas, embora seja preciso um consumo maior para a obtenção da mesma quantidade em 100 gramas de carne.

 

Suplementação

 

A suplementação da vitamina B12, assim como de qualquer outra vitamina, deve ser supervisionada por um médico, especialmente se for apenas da vitamina em si e não de suplementos para atletas. Estes últimos podem ser utilizados sem prescrição, desde que respeitem o valor máximo de vitamina B12, que deve ser bem abaixo do valor mínimo exigido: 1 mcg por dia. O restante deve estar restrito à alimentação e a suplementação deve ser feita especialmente por quem pratica atividades físicas mais intensas, como no caso da suplementação de proteínas, por exemplo.

Leia também:

Entenda a Importância da Vitamina D

O que é e para que serve a Vitamina B6

Em geral, os suplementos de vitamina B12 trazem outras vitaminas na sua composição, para que não haja um excesso desnecessário, causando os sintomas que citamos logo acima.

 

Gostou do artigo? Curta e compartilhe com seus amigos!

 






DICAS RELACIONADAS


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Ir para o topo

Copyright© 2018 Dicas de Treino.