DURATESTON – Para que serve, Ciclos, Colaterais e Como Tomar

Entenda o que é o Durateston, para que serve, benefícios, função, excesso, efeitos colaterais, como tomar
Whey Protein Growth
Whey Protein Growth
Whey Protein Growth
Whey Protein Growth

O Durateston ou “dura”, é um dos anabolizantes a base de testosterona mais consumido no mundo.

A falta de informação, o apelo comercial e o imediatismo também contribuem para que homens e também mulheres, que desejam melhorar a performance física, optem por usar o medicamento, sem ao menos entender direito como age no organismo.

Seja para emagrecer, ou para alcançar volume e dar forma aos músculos, muitos expõe a saúde.

Não considerando os prováveis efeitos colaterais e também sequelas decorrentes do uso de fármacos ou esteroides anabolizantes em excesso.

Falar sobre um tema sempre controverso que é o uso de EAS (esteroides anabólicos androgênicos) exige responsabilidade, a mesma que sempre dispensamos em todos os nossos artigos e informações contidas neste site.

Leia também:

Trembolona, para que serve, benefício, efeitos colaterais, como tomar

Entenda o que é o MASTERON, para que serve e seus efeitos

POTENAY: Tudo que você precisa saber sobre esse Estimulante

O que é Enantato de Testosterona, para que serve, colaterais e como usar

BOLDENONA, benefícios, função, excesso, efeitos colaterais, como tomar

Vale lembrar que somente um médico pode indicar com mais precisão quais as reais necessidades de uma pessoa passar a usar este e outros produtos a base de testosterona sintetizada.

No decorrer do post demonstramos imparcialidade em cada tópico que será abordado.

 

O que é o Durateston?

 

Durateston é um medicamento controlado, que só pode ser comercializado e usado com receita médica.

Feito à base de testosterona, é geralmente encontrado em ampolas que devem ser injetadas no músculo cautelosamente e com bastante profundidade.

Serve principalmente para tratar problemas de saúde relacionado ao hipogonadismo.

Essa doença afeta a saúde masculina, pois inibe a produção do hormônio mais importante na vida de um homem a testosterona.

A grosso modo podemos dizer que o “dura” é o resultado da soma de quatro grandes grupos do hormônio testosterona na forma sintetizada.

Sendo eles:

# O Propionato de testosterona que participa com 30 mg: a manipulação em laboratório deste ingrediente do Durateston aumenta consideravelmente o padrão da testosterona natural que a pessoa já possui. Ele age imediatamente, em contrapartida o período de permanência é menor.

# O Fempropionato de testosterona está na quantidade de 60 mg: permanece mais tempo no corpo, mas age lentamente;

# Isocaproato de testosterona assume 60 mg dentro da fórmula: o único entre as testosteronas que não é encontrado isolado, se integra as outras para aumentar a eficiência do medicamento;

# Decanoato de testosterona com 100 mg: já foi a maior referência no mercado veterinário por combinar todo o seu potencial no extinto Notest 250.

 

Além desses itens, existe ainda na composição Excipientes, entre eles o álcool benzílico e um que merece muita atenção o óleo de amendoim.

Por não ser tolerado em decorrência do potencial alergênico em algumas pessoas.

Respectivamente cada uma das testosteronas contribui para trazer ao organismo dose extraordinária do hormônio.

Que resulta em mais força física, despertar dos traços masculinos e naturalmente volume corpóreo.

 

Para que serve o Durateston?

 

Creatina Growth
Creatina Growth
Creatina Growth
creatina Growth

A testosterona é o hormônio responsável para que o homem desenvolva todos os traços característico do sexo.

Como por exemplo, a testosterona em homens, desenvolve as genitálias (pênis, testículos), voz mais grave, pelos no corpo, produção de espermatozoides, libido e virilidade.

O crescimento muscular também é um sinal de que o corpo masculino está se desenvolvendo quando o nível do hormônio está normal.

Porém, em alguns homens essas mudanças não ocorrem em virtude do hipogonadismo, afetando o desenvolvimento e principalmente a autoestima masculina.

Até então, as terapias utilizado para a reposição hormonal (reposição de testosterona) que são muitas, cercam-se de recursos químicos (medicamentos).

Todos a base de testosterona, para dispersar este “anabolizante natural” no organismo masculino.

O que é o Durateston, dura, para que serve, benefícios, função, excesso, efeitos colaterais, como tomar

Sim, o Durateston é um desses medicamentos!

Contudo, o uso traz também um tipo de ganho corpóreo inigualável, que “encanta” quem treina para tornear a musculatura visando volume e força acima da média.

E isso ocorre, rápido graças ao potencial do medicamento em afastar o catabolismo (queima muscular) e da não propriedade de retenção de líquidos nos músculos.

Situações comuns a outros anabolizantes androgênicos disponibilizados no mercado.

 

Quais os Benefícios do Durateston?

 

Todos os esteroides presentes no medicamento agem em conjunto e com certo imediatismo graças a sua forma injetável.

Para você ter uma ideia o Propionato de testosterona alcança o superávit em 2 dias; o Isocaproato e o Fenilpropionato de testosterona em 3 dias. O Decanoato chega a 7dias.

Homens que estão no grupo onde a deficiência de testosterona é grave se beneficiam com o fármaco.

Porém, fisiculturistas que nem sempre estão com dificuldades em manter o nível do esteroide o utilizam para aumentar a massa magra.

E como consequência a força muscular também aumenta. Atletas (não generalizando) que buscam atingir alta performance consomem o produto, especialmente na fase de bulking.

Leia também:

Porém, caso as competições estejam sob as regras da Agência Mundial Anti-Doping (WADA), é crucial o acompanhamento médico.

Veja bem, o Durateston é utilizado para melhorar a performance esportiva, mas isso, não substituem em hipótese alguma a devida orientação, pois os efeitos colaterais podem ser severos e não compensam o risco.

Com indicação clínica e supervisão, podemos destacar os seguintes benefícios com o uso de Durateston:

# Menos gordura corporal, graças a aceleração metabólica;

# A eclosão muscular é muito rápida;

# Aumento da síntese proteica;

# Os níveis de Actina e também de Miosina sobem rápido;

# Afasta o catabolismo, o que é providencial para muitos músculos;

# Inibe os glicocorticoides, hormônios que interferem para perder mais massa;

# Normalmente não causa danos ao fígado;

# Existe um acréscimo nas hemácias o que favorece o aumento na imunidade;

# Eleva o hormônio péptico IGF-1 importante para recuperação pós treinos;

# Pode auxiliar a evitar doenças.

 

Porém, somente um médico pode realizar o prognóstico se o homem pode e se deve utilizar o medicamento para tratar a patologia onde não existe a produção da testosterona.

Bem como, orientar os saudáveis que visam apenas hipertrofiar.

Que, normalmente com a aplicação de 250mg da fórmula, já percebem os resultados a favor do ganho de massa.

 

O que o excesso de Durateston pode causar

 

Cada organismo poderá reagir de forma diferente com o uso do medicamento.

No entanto, o que parece é que sempre há algum efeito colateral.

No homem, em excesso, uso pode trazer riscos, pois pode acabar em transformação hormonal dispersando estrógeno (hormônio feminino) no organismo.

Inclusive influenciando na aparência física, com o aparecimento de volume mamário chamado de ginecomastia.

Se uma mulher utilizar, aleatoriamente traços de masculinidade podem surgir e se agravarem a medida que o consumo aumenta.

 

Efeitos colaterais do Durateston

 

Além disso, há diversos outros contratempos com o excesso e prolongamento do uso, como:

# Perda ou diminuição da libido;

# Disfunção erétil;

# Desequilíbrio na pressão arterial;

# Testículos atrofiados;

# Calvície;

# Desenvolver câncer de próstata;

# Aumentar a massa corporal descontroladamente;

# Pode inibir o crescimento no caso de consumido na adolescência;

# Surgimento de acne;

# Reter líquidos;

# Maior probabilidade de desenvolver doenças como depressão;

# Maior chance de aumentar muito os hematócritos;

# Problemas cardiovasculares, entre outros…

 

Quem não pode tomar o Durateston

 

Assim como qualquer medicamento o Durateston tem restrições brandas e severas de uso.

Mulheres automaticamente não devem aderir ao produto, e se nutrizes e gestantes consumirem estarão expostas a consequência graves.

Crianças pequenas, principalmente com menos de 3 anos, estão proibidas de consumir.

O que é o Durateston, para que serve, benefícios, função, excesso, efeitos colaterais, como tomarNa adolescência é preciso muita cautela para aderir ao uso, pois pode gerar inconvenientes graves nos meninos, como aumento descontrolado do órgão genital, ereções atípicas e depressão.

Outros grupos que não podem usar o medicamento comportam:

# Pessoas com suspeita ou evidência de carcinoma na próstata ou nas mamas;

# Alérgicos em geral;

# Pessoas com patologia diversas crônicas, como epilepsia, disfunção renal, e outras.

Homens maduros ou idosos, mesmo que clinicamente orientados para o uso.

E com o propósito de substituir a testosterona natural, devido a grande perda nesta fase da vida, só podem consumir o fármaco sob indicação médica.

 

Como tomar o Durateston

 

Disponibilizado em solução injetável intramuscular, cada unidade contém uma ampola do medicamento.

A aplicação da solução deve ser realizada por um médico ou profissional habilitado, normalmente no braço, nádegas ou parte superior da perna.

As aplicações são controladas via formulário e receita médica.

Sendo que para repor o hormônio testosterona, a cada 7 dias uma ampola é aplicada.

No entanto, cada organismo tem necessidades e reações diferentes o que pode exigir ajustes na dosagem.

Leia também:

No caso de aplicação com o fim específico para a estética (o que é proibido, mas não cumprido) o medicamente segue ciclos de aplicação.

Nestes ciclos o usuário irá desenvolver a musculatura gradualmente, porém rápido. E quanto maior o ciclo mais chances de sofrer os efeitos colaterais.

Existem ainda ciclos paralelos, onde o Durateston é usado em concomitância com outros esteroides.

Em relação aos ciclos com o medicamento temos:

 

Ciclo curto para uso do Durateston

Neste ciclo, o período é de 8 até 10 semanas. Sendo as variações respectivamente aplicação nas 5 semanas iniciais com pausa nas 3 seguintes.

Na segunda opção, a pessoa aplica o medicamento durante as 6 primeiras semanas e pausa nas 4 seguintes.

Após cada pausa o processo é reiniciado ou não.

 

Ciclo médio para uso do Durateston

Neste caso, o período total e cada ciclo poderá ser de 12 ou de 15 semanas.

Na primeira opção, em 8 semanas consecutivas será a aplicação intercalando com 4 semanas de paus.

No segundo caso, a aplicação será por 9 semanas e as 6 restantes para descanso.

 

Ciclo longo para uso do Durateston

O ciclo longo consiste em 10 semanas sequenciais aplicando o medicamento.

Processo que aumenta as chances de complicações severas, designando este ciclo como muito perigoso para o organismo de forma geral.

 

Benefícios e Eeteitos Colaterais

 

 

Considerações finais sobre o Durateston

Para finalizar, lembramos que ninguém deve consumir o Durateston sem prévia autorização médica.

Inclusive é terminantemente proibido e muito difícil adquirir este medicamento sem receita médica.

Além disso, quem estiver fazendo uso é importante que você sempre leia a bula.

Primeiro porque é inviável a compra, segundo porque se alguém oferecer o produto sem necessidade de apresentar uma receita, é muito provável que o medicamento seja adulterado.

 

Ressaltamos que a intenção aqui do site Dicas de Treino é somar o conhecimento dos nossos leitores.

Justamente por isso, destacamos que você poderá compartilhar este post com segurança.

Inclusive poderá contribuir com mais informações postando seu comentário logo abaixo.

 

...VEJA TAMBÉM...



Whey Protein Growth

15 COMENTÁRIOS

  1. Tenho 3 ampolas de dura se eu tomar uma a cada 10 dias terei algum resultado quanto a perda de peso e ganho de massa? Pois não tenho interesse em continuar o uso no momento, quero usar apenas essas 3 que ganhei.

  2. Legal essa consciência moral de só consumir qual recomendação médica mas na real na academia está cheio de duratestados, é a realidade e eles não parece nem um pouco debilitados então a questão: tomar ou não tomar?

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui