30 nov

Entre a Margarina ou Manteiga qual a melhor opção de consumo?

Margarina ou Manteiga qual a melhor

Margarina ou manteiga? Você sabe o que é melhor para seu organismo?

Com aparência e sabor semelhantes, esses dois alimentos têm particularidades bem específicas. Acredite ou não; muitas pessoas ainda fazem confusão.

E a primeira particularidade que as diferencia, é a existência como alimento.

A manteiga é uma iguaria primária, sua forma e consistência é especialmente conquistada após o processo de “batida” do leite puro.

Os relatos indicam que ela já existe a milhares de anos (desde a pré-história), e a mais ou menos 4500 anos o consumo é propagado pelo mundo.

Em algumas culturas ela é considerada um alimento sagrado, como no Tibet, que até o momento a utiliza para compor os rituais sagrados.

 

Interessante não é mesmo?

 

E a margarina? Já a margarina… é consequência de um processo chamado de hidrogenação, onde branqueadores, óleos vegetais, emulsionantes, sal, leite desnatado são mecanicamente misturados e resultam no produto conhecido (em partes) por nós.

A margarina também “é velinha”, existe desde 1860, e foi “criada” após o Imperador francês Napoleon III, idealizar um concurso, incentivando o desenvolvimento de um substituto para a manteiga.

Margarina ou Manteiga qual a melhor opção de consumoComo pode perceber, ambas estão presentes na vida humana a muito tempo, evidentemente que sofreram grandes variações, mas, a matéria prima de cada uma, ainda é a mesma.

Cientificamente a manteiga é tida como um alimento que oferece nutrientes significantes para o desenvolvimento humano, enquanto que a margarina está na corda bamba, e ultimamente vem recebendo críticas que a tornam um alimento vulnerável.

O que temos ao certo; é que ambas possuem, aleatoriamente, alto nível de gorduras saturadas e trans.

Calma… leia o próximo tópico par entender melhor como essas gorduras atuam no copo humano.

 

Margarina ou Manteiga: Tomando ciência de Alguns Fatos

 

A publicidade para esses dois produtos é um tanto prepotente, principalmente para a margarina, onde cria verdadeiras campanhas para engendrar o consumidor e mostrar que essa opção pareça mais favorável, elevando alguns aspectos do produto como:

  • É mais barata;
  • Não é de origem animal;

 

É enriquecida com determinados aditivos.No entanto, os fabricantes pouco oferecem respostas consistentes para uma das perguntas tema deste artigo, que é:

Afinal, margarina faz mal?

Sim. Apesar de ser consumida em todas as regiões do país diariamente, e em grandes quantidades, a composição química é desfavorável e causa uma série de malefícios ao organismo.

Para você ter uma ideia, a fórmula da margarina pode conter:

  • Sebo animal e leite de vaca;
  • Ácido sulfúrico;
  • Soda cáustica;
  • Ácido benzoico;
  • Ácido butil hidroxitolueno (BHT);
  • Galato propila;
  • Corante artificial;
  • Aromatizantes artificiais;
  • Antioxidantes artificiais;
  • Estabilizantes artificiais.

E aditivos sintéticos para enriquecimento com vitaminas (ufa!).

Entre todos esses ingredientes, destacamos o BHT (agente antioxidante usado como aditivo alimentar e conservante), que tem relação direta com a formação de células carcinogenicidas.

Este agente é potente, pode causar também disfunções hormonais quando combinado com outros componentes, bem como causar explosões se manipulado em condições favoráveis para tal.

Pense um pouco:

A margarina não estraga, não apodrece ou cria bolores se ficar exposta, já que possui uma grande quantidade de adjetivos exclusivos para a sua preservação.

Nem mesmo as moscas passam por perto da margarina (faça o teste você mesmo).

Diante disso, não é difícil prever os danos que causa também para o nosso organismo.

Talvez você já esteja formulando sua opinião sobre entre escolher margarina ou manteiga, mas, falta ainda saber um pouco mais sobre algumas coisas.

 

Outras diferenças entre a Margarina ou Manteiga

 

Para que você entenda as diferenças entre margarina ou manteiga, precisamos explicar um pouco mais sobre a manteiga.

A força do movimento, principalmente americano, na customização de dietas e melhor desempenho nutricional, iniciado já na década de 20, foi também a oportunidade para massificar a manteiga.

Na ocasião, a presunção de que as gorduras saturadas, naturalmente provindas da fonte animal, eram ofensivas e progenitoras da epidemia de doenças do coração e também do câncer, foram amplamente divulgadas.

A manteiga foi apontada como uma das culpadas na ocasião, e os ditadores da aristocracia das dietas ora popularizadas, não mediram esforços para tira-la de circulação.

Com certeza a atitude tinha também interesses comerciais, mas também era sustentada na desinformação.

Whey Protein GrowthWhey Protein Growth

Segundo Sally Fallon Morell, nutricionista e insistente defensora da ingestão da gordura animal, assim como Mary Gertrude Enig (1931-2014), PhD em nutrição e respeitada pesquisadora nutricional, a manteiga é um alimento rico, com antioxidantes, vitamina E, vitamina A, lecitínia, e por isso não pode ser apontada como culpada.

 

Os Malefícios da Industrialização

 

Existe grandes benefícios para os idealizadores da alimentação ortodoxa e para a indústria de alimentos quando o consumo da margarina alcança bons níveis (dindim).

E para que este produto seja aceito, e as pessoas se tornem freguesas, não há limites de investimento e esforço de merchandising, e por isso devemos aumentar nossa sabedoria na hora da compra, ou seja, é necessário que você tome consciência sobre alguns fatos.

Comer margarina pode gerar doenças cardíacas, retenções intestinais e a redução da qualidade do leite materno das mulheres.

A margarina diminui a resposta imunológica e aumenta o colesterol ruim. Seu consumo a longo prazo pode causar intoxicação da amígdala, do pulmão e problemas articulares.

Além disso, aumenta o risco de câncer devido aos seus compostos químicos.

Leia também:

4 razões para você não comer Macarrão Instantâneo (famoso Miojo)

Peito de peru é saudável? Não… Peito de Peru é um vilão na sua Dieta

 

Margarina ou manteiga?
Opte pela segunda opção e Outras Propostas

 

Caso não se incomode por produtos de origem animal, opte pelo consumo moderado de manteiga.

Mas além da manteiga, existem ainda outras ótimas opções para deixar a torrada, o pãozinho (sempre integral) e o biscoito ainda mais saborosos, como por exemplo, os patês de legumes ou com abacate que você mesmo pode elaborar em casa.

Pode ainda preparar maioneses caseiras com ingredientes leves e nutritivos, já que as comercializadas também não são muito saudáveis.

E, já que nosso assunto tem como foco maior questionar a escolha entre margarina ou manteiga, vale destacar os benefícios do alimento que é considerado sagrado em lugares do mundo como a China, Escandinávia, Russia, Tibet, Noruega e Japão, ou seja a manteiga.

Principais benefícios da manteiga:

  • Rica em vitaminas solúveis em gordura: No caso, há a presença da Vitamina A, E, K2. A vitamina K2, por exemplo, traz benefícios ao metabolismo do cálcio e evita doenças cardiovasculares, câncer e osteoporose;
  • Traz gorduras curtas e médias: Esses tipos de gordura melhoram a saciedade e até aumentam a queima de gordura do seu corpo;
  • Fonte de Ácido Butírico ou Butanoico: Esse ácido possui um efeito anti-inflamatório, além de proteger o sistema digestivo.
  • Fonte de Ácido Linoleico Conjugado: Presente na manteiga, quando consumida em quantidades moderadas, pode reduzir as chances do desenvolvimento de câncer;
  • Contém glicoesfingolipídeos: É um ácido graxo que está relacionado com a proteção de problemas gastrointestinais, já que evita o desenvolvimento de infecções bacterianas;
  • Possui beta-caroteno: Contribui para pele saudável e protege a visão, já que retarda o aparecimento de cataratas;
  • Rica em minerais essenciais: Dentre esses, estão manganês, zinco, cobre e selênio, que são responsáveis pela manutenção dos ossos e, consequentemente, pela prevenção da osteoporose e artrite.

Uma das versões da manteiga tradicional que atualmente vem ganhando projeção, é a manteiga ghee. Um alimento super nutritivo, reverenciado na Índia e que vale a pena você conhecer um pouco mais.

 

Conheça mais os benefícios da Manteiga Ghee

 

Utilizada desde muito tempo na Índia, a manteiga ghee ou clarificada, serve para confeccionar pratos culinários exóticos e muito nutritivos, como também na área da saúde e estética.

Pessoas que buscam uma fonte de alimentação pura e com nutrientes estão aderindo a este produto digamos “artesanal”, porque de fato traz benefícios à saúde, como:

  • Fortalecimento da imunidade;
  • Nutrição dos tecidos profundos;
  • Purifica os canais distribuídos pelo corpo humano;
  • É indicada para tratar doenças gastrointestinais e dofígado.

E muitas outras situações que favorecem o seu uso.

A forma semi líquida, é obtida após o aquecimento sereno e vagaroso (banho maria) da manteiga tradicional, em seguida é retirado a primeira camada (que é espumosa).

Feito isso, é o momento de filtrar para retirar os excessos de líquido, que é na verdade o leite.

A parte sólida é a manteiga Ghee. Que sintetiza várias propriedades nutritivas, rica em vitaminas, entre elas A, K, E e D, além disso, oferece também boas doses de ômegas 3 e 6.

Vale ressaltar que a quantidade de lactose deste alimento é reduzida, mas não isenta, assim como não contém sódio, favorecendo o consumo por mais pessoas.

No entanto, a quantidade consumida deve ser monitorada, pois a gordura saturada se faz presente.

Você pode usar a manteiga ghee para compor pratos saudáveis e extremamente saborosos, tanto salgados como doces, inclusive algumas receitas low carb utilizam esta manteiga como fonte de gordura.

 

Conclusão e oportunidade para você participar da discussão

Como sempre, lembramos que a proposta aqui do site é informar e proporcionar o debate.

E, como vimos no decorrer do artigo a margarina não proporciona nenhum benefício para nossa saúde, a recomendação é: elimine a margarina das suas receitas ou do consumo diário.

Se possível use a manteiga, claro que, com muita moderação.

Seu organismo e sua dieta agradecem.

Se você gostou, repasse essa informação a diante compartilhando este artigo!

P.S. não esqueça de curtir!

 






DICAS RELACIONADAS


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Ir para o topo

Copyright© 2018 Dicas de Treino.