Faculdade de Educação Física (Objetivo, diferenças do Presencial e EAD)

Faculdade de Educação Física, objetivo, diferenças do presencial e EAD
Whey Protein Growth
Whey Protein Growth
Whey Protein Growth
Whey Protein Growth

Uma graduação que tem se tornado opções de muita gente, é a educação física.

Entretanto, a maioria acha que educação física resume-se somente a musculação, ensinar esporte para as crianças, mas enganou-se quem pensa assim, porque o curso vai muito além desse pensamento.

A educação física estuda o movimento humano e suas diferentes formas de manifestação, como: dança, esporte, ginástica, jogos, atividade física, com o objetivo de promover, prevenir e reabilitar a saúde.

Então, a educação física visa melhorar o condicionamento físico geral e saúde das pessoas através de exercícios físicos e atividades corporais.

Desta forma, preparamos um conteúdo especial para quem tem o sonho de se tornar um educador físico e seguir carreira na área.

Então, é necessário saber qual o objetivo do curso, a grade curricular, o mercado de trabalho, as áreas em que o profissional pode atuar, as faculdades reconhecidas pelo MEC e até mesmo a diferença entre o curso presencial e a distância, o EAD, um método de ensino bastante procurado atualmente.

 

Qual o objetivo da Faculdade de Educação Física?

 

O objetivo do curso é formar um profissional de educação física que tenha como foco promover a saúde das pessoas através da prática de atividades físicas.

O trabalho consiste em acompanhar e orientar as pessoas durante a prática esportiva seja ela qual for.

O público na qual o educador irá trabalhar pode variar desde crianças em idade escolar, até atletas profissionais, pacientes que buscam a recuperação de movimentos, idosos e portadores de deficiência física.

O curso de educação física dura em média 4 anos, e a graduação pode ser do tipo licenciatura ou bacharelado.

Quem escolhe pela habilitação de licenciatura deverá realizar um estágio supervisionado e vai estar apto para atuar como professor em escolas de educação básica.

Já os alunos do bacharelado devem elaborar um Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), para assim estar capacitado em dar aulas de musculação, ginástica, desenvolvimento motor, dentre outros.

Enfatizamos também que para exercer a profissão, além do diploma da instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC), é obrigatório o registro do Conselho Regional de Educação Física (CREF).

 

Grade Curricular

 

A grade curricular do curso de educação física é criada de acordo com a instituição de ensino, mas se resume em: disciplinas práticas e teóricas.

O que vai mudar geralmente pode ser o nome das matérias, porém, como dissemos o conteúdo permanece o mesmo.

Quem opta pela licenciatura em educação física, que forma professoras, terá o conteúdo voltado para matérias ligadas a educação, como didática e pedagogia.

Em vista disso, para melhor informar sobre a grade curricular do curso, listamos algumas das principais disciplinas básicas da faculdade de educação física:

Anatomia

Atividades Aquáticas

Bases da Motricidade Humana

Estrutura dos Esportes

Ginástica Geral

­Ginástica Artística

Introdução à Educação Física

Educação Escolar

Estudos em Crescimento, Desenvolvimento e Aprendizagem Motora

Formação e Desenvolvimentos da Sociedade Brasileira

Leitura e Produção Textual

Urgência, Emergência e Trauma

Educação e Movimento

Educação na Diversidade

Epistemologia e História da Educação Física

Fisiologia Humana

Fisiologia do Exercício

Filosofia e Ética

Meio Ambiente e Sustentabilidade

Metodologia da Pesquisa em Educação Física

Lutas

Pedagogia do Esporte

Prática de Ensino Fundamental

Prática do Ensino Médio

Práticas Corporais Expressivas

Práticas Corporais na Natureza

Cinesiologia

Processos de Aprendizagem e Desenvolvimento Cognitivo

Docência e Mediação

Metodologia do Ensino dos Esportes

 

O que Profissional de Educação Física pode fazer?

 

Como em todas as outras profissões, o profissional de educação física também pode atuar em várias áreas, não é só em academias ou escolas, as oportunidades são muitas.

Para quem escolheu licenciatura, esses são os únicos profissionais que podem trabalhar na educação básica, dando aulas para as crianças, adolescentes e jovens em escolas das redes pública e privada.

Creatina Growth
Creatina Growth
Creatina Growth
creatina Growth

Já o bacharel em educação física tem muito mais espaço no mercado de trabalho, encontrando oportunidades em diversos segmentos, públicos ou privados.

Em vista disso, preparamos uma lista das áreas em que um bacharel em educação física pode atuar.

Confiram:

 

# Condicionamento Físico

Esta é a função do personal trainer. Ele irá orientar e acompanhar individualmente o aluno a realizar os exercícios da maneira correta, seja em academia, clubes esportivos, indústrias, praças, parques ou residências.

Ele vai montar o treino especifico de acordo com as necessidades do aluno.

 

# Recreação

O educador físico poderá trabalhar em spás, hotéis, pousadas, cruzeiros, clubes esportivos e de lazer na parte de entretenimento dos hóspedes e turistas.

 

# Turismo Ecológico

Nesta área, o educador físico ficará responsável por desenvolver programas de esporte de aventura em meio à natureza, como caminhadas, trilhas e montanhismo.

 

# Performance

Um dos ramos mais cobiçados nos dias de hoje e cada vez mais competitivo.

Na performance, o profissional tem o foco na preparação de atividades físicas para uma pessoa ou equipe que tem o objetivo de alcançar um alto rendimento em competições esportivas, como por exemplo, o fisiculturismo.

 

# Reabilitação

Na reabilitação, o profissional de educação física vai auxiliar o paciente na recuperação de algum tipo de lesão, além de ajudar a prevenir doenças ou outro problema físico.

Enfim, vai melhorar o condicionamento físico do indivíduo. O local de atuação é em hospitais e clínicas de reabilitação.

 

# Esportes

O educador físico vai se especializar em alguma modalidade esportiva, como: danças, lutas (boxe, muay thai, jiu jitsu), ioga, ciclismo, corrida, cross fit, dentre outros.

 

# Gestão

Quando o assunto é gestão, o educador físico torna-se responsável pelo gerenciamento de estabelecimentos que proporcionam atividades físicas para a população, no caso, ser dono de uma academia.

 

# Ginástica Laboral

Na ginástica laboral, o profissional vai atuar em empresas e indústrias preparando os funcionários e executando exercícios com o objetivo de evitar doenças e problemas físicos causados pela atividade feita no dia a dia.

 

# Grupos Especiais

Neste ramo a atuação é voltada para crianças, gestantes, idosos e pessoas com algum tipo de deficiência. O foco é promover a saúde, o desenvolvimento de habilidades motoras e claro, inclusão social.

 

Mercado de Trabalho

 

Sabemos que a educação física é uma das disciplinas obrigatória nos ensinos fundamental e médio.

Aos profissionais que optam por uma carreira acadêmica, o mercado é bastante aquecido, o índice de empregabilidade é alto, porque há uma carência grande não só de professores para a educação física como para as outras disciplinas.

Outra área que tem crescido cada vez mais e se tornado competitiva é trabalhar nas academias de ginástica, seja como instrutor ou personal trainer, pois a procura por profissionais capacitados para orientar e acompanhar os alunos durante a prática de exercícios tem crescido dia após dia, não só com fins estéticos, mas para a saúde.

Também, se o educador físico tiver o perfil de empreendedor, sempre há a possibilidade de criar o próprio negócio ligado a área, seja abrir uma academia, comercializar alimentos e suplementos alimentares.

Além disso, o educador físico pode escolher trabalhar nas forças militares.

O exército, aeronáutica e a marinha também realizam concursos para contratar profissionais de educação física.

Um dado importante é saber quais as regiões que mais contratam profissionais de educação física.

O Sul e Sudeste concentram o maior número de vagas para o profissional de educação física. Já a região Nordeste é a que mais contrata educadores físicos para atuar com entretenimento e turismo.

 

Faculdade de Educação Física reconhecida pelo MEC

 

Independente se o aluno optar por licenciatura ou bacharelado, a escolha da faculdade é essencial, pois para o diploma ter validade no mercado e que o indivíduo possa trabalhar regularmente na área, a instituição de ensino precisa devidamente estar credenciada pelo Ministério da Educação (MEC).

No Brasil existem 600 universidades públicas e privadas, credenciadas pelo MEC, que proporcionam cursos de educação física (licenciatura e bacharelado).

No entanto, com tantas opções o ideal é saber qual escolher.

Para informa-se melhor e descobrir se a faculdade que está pensando é credenciada no MEC e tem nota boa no curso de educação física, o aluno pode consultar gratuitamente, pela internet, as notas que o MEC atribui a cursos e faculdades. Isso, pode ser visto através do site www.emec.mec.gov.br.

Lá, vai conferir as listas do estado onde mora, com suas respectivas notas e situações perante ao ministério da educação.

 

Diferença do curso Presencial e do Curso a Distância (EAD)?

 

Tanto a modalidade presencial como a distância para o curso de educação física vai mudar o seguinte: no curso presencial o aluno terá que ir até a faculdade para cumprir as disciplinas.

Já o curso a distância, EAD, ele poderá fazer as aulas teóricas em casa, online, através de um computador/tablete/celular, e somente irá à faculdade para a realização de algumas atividades como, por exemplo: laboratórios, estágios, aulas práticas, provas e apresentação do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC).

O período de duração do curso de educação física é a mesmo para ambas as modalidades, 4 anos.

Então, para aqueles que vivem na correria do dia a dia, não conseguem frequentar uma universidade, o curso EAD acaba sendo muito viável, seja pela economia de tempo, economia de dinheiro e oportunidades de estudar em faculdades de fora.

O curso tanto no presencial quanto no a distância prepara profissionais para, entre outras atividades:

# Realizar diagnósticos de intervenções na área da saúde, lazer e esporte, visando manter e melhorar a qualidade de vida.

# Planejar e gerir atividades que envolvam a Educação Física e cultura corporal.

# Atender portadores de necessidades especiais e quaisquer outros grupos sociais, respeitando as peculiaridades de cada grupo em prol da saúde e qualidade de vida.

# Dominar tecnologias na área de Educação Física.

# Planejar, programar e lecionar os conteúdos da disciplina de Educação Física.

 

Não podemos esquecer também como já dissemos no texto, que a escolha da instituição de ensino é muito importante.

Na modalidade à distância (EAD), o Brasil possui 17 faculdades credenciadas pelo MEC que oferecem o curso. A maioria é licenciatura, mas também existe a habilitação para o bacharelado.

Além disso, o diploma obtido de um curso de educação física EAD vale também tanto quanto o presencial.

 

“A educação física é a arte de ensinar através do movimento”

 

...VEJA TAMBÉM...



Whey Protein Growth

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui