Quais os sintomas de imunidade baixa? E o que fazer para aumentar?

Quais os sintomas de imunidade baixa?
Whey Protein Growth
Whey Protein Growth
Whey Protein Growth
Whey Protein Growth

O sistema imunológico é formado por uma coleção de órgãos, tecidos e células que trabalham juntos para proteger o organismo de diversas doenças, principalmente as causadas por micróbios patogênicos, isto é, bactérias, vírus, parasitas e fungos.

Devido à responsabilidade pela proteção do organismo, a imunidade é uma ferramenta do corpo que pode estar mais forte ou enfraquecida, dependendo de diversos fatores.

Quando ocorre a queda da imunidade, a velocidade de resposta do corpo para combater os agentes patogênicos diminui, tornando nosso corpo mais propenso a ficar doente.

É por isso que, muitas vezes, duas pessoas passam pelas mesmas condições climáticas, por exemplo, e apenas uma delas fica doente. Isso corre devido à baixa imunidade.

Outro ponto a ser ressaltado é quando o indivíduo mal se recupera de uma infecção e poucos meses depois vem outra doença e o derruba de novo na cama.

Se essa situação ocorrer com frequência, é preciso atenção, porque sofrer sucessivas infecções em um intervalo de pouco tempo pode ser um sinal de que a imunidade está baixa.

Geralmente o organismo dá alguns sinais indicando que as defesas não estão boas, como calafrios frequentes, febre e infecções recorrentes.

Porém, para avaliar com mais precisão se realmente o sistema imunológico está baixo, o ideal é procurar um especialista para realizar exames bioquímicos e genéticos, pois os anticorpos podem estar baixos, algumas células podem não estar funcionamento de maneira adequada e outros componentes podem estar alterados, como o sistema completo.

Veja Também:

Para reverter o quadro e manter o sistema imunológico sempre alto, bem fortalecido, é importante ter hábitos saudáveis, ou seja, uma alimentação balanceada, praticar atividades físicas regularmente, ter uma boa noite de sono, se hidratar na medida do possível, evitar o consumo de álcool, drogas, tabaco, dietas restritivas e etc.

No entanto, somente manter uma rotina saudável é o suficiente para livrá-lo de doenças, infecções, e consequentemente a queda da imunidade?

Veja a seguir o que provoca a baixa imunidade e aprenda como solucionar esse problema com diversas dicas!

 

Quais as principais causas da baixa imunidade?

 

Existem microrganismos capazes de transmitir doenças em todo lugar, mas nem todas as pessoas irão ficar doentes, mesmo que entrem em contato com o patógeno.

O que realmente vai determinar essa vulnerabilidade é o sistema imunológico, que pode estar forte ou fraco de acordo com diversos fatores.

A baixa imunidade necessita de uma avaliação médica, pois muitas vezes o sistema imunológico enfraquecido apresenta sintomas simples, como queda de cabelo, por exemplo, e as pessoas não dão a devida atenção, por ser algo “normal”.

Contudo, o que pode ser considerado comum, às vezes é um problema agravador.

Por isso, como as principais causas da baixa imunidade são relacionadas ao estilo de vida, conheça as causas mais frequentes que deixam o sistema imunológico baixo e em quais situações esse quadro é reversível.

Confira!

 

# Má Alimentação

A falta de nutrientes afeta o funcionamento das células, e como as células do sistema imunológico são sensíveis, um comprometimento de suas funções pode resultar no aumento de infecções.

Sendo assim, o ideal é ter uma alimentação saudável composta por nutrientes importantes como: ferro, cálcio, zinco, selênio, vitamina A, vitamina C, vitamina D, vitamina E, complexo B, antioxidantes, etc.

 

# Consumo de Álcool

É muito comum ouvir falar que as bebidas alcoólicas fazem mal para a saúde, já que ela causa vários danos ao organismo.

Então, por exemplo, se uma pessoa bebe cinco latas de cerveja, o fígado vai levar cinco horas para eliminar todo o álcool ingerido. Logo, enquanto o fígado está metabolizando a primeira lata, o restante entra na corrente sanguínea, causando alterações e danos em diferentes órgãos.

Creatina Growth
Creatina Growth
Creatina Growth
creatina Growth

 

# Excesso de Exercício Físico

O exercício físico é excelente para a saúde, e sim, ajuda no combate à baixa imunidade.

Todavia, quando a atividade física é feita em excesso, com alta intensidade e longa duração, leva ao aumento de processos inflamatórios e libera hormônios do estresse, como cortisol e adrenalina, além de substâncias tóxicas que lesionam as células do sistema imunológico.

 

# Distúrbios no Sono

A privação do sono diminui a quantidade e a função das células responsáveis pela imunidade. Portanto, recomenda-se dormir de 6 a 7 horas por noite para o sistema imunológico não ser afetado.

 

# Estresse

O corpo fica desequilibrado com a ação dos hormônios do estresse.

Com isso, os órgãos passam agem erradamente e compromete a regulação de doenças crônicas e autoimunes, o que piora as condições de saúde.

A dica é não se estressar com frequência!

 

# Genética

Todas as funções genéticas, incluindo o funcionamento do sistema imunológico estão associadas geneticamente.

Então, se o indivíduo tem uma tendência à baixa imunidade pode ter herdado dos pais, mas também, pode ser afetados por fatores ambientais.

 

# Doenças Específicas

Algumas doenças afetam diretamente o sistema imunológico, como: AIDS, diabetes, anemia, câncer, obesidade, desnutrição, etc.

Em vista disso, recomenda-se sempre manter as prevenções em dias para não ter maiores problemas.

 

# Quimioterapia

Já ouvir falar que tem está fazendo quimioterapia não pode ficar com o sistema imunológico baixo?

Pois é! Os quimioterápicos agem sobre as células de multiplicação rápida, incluindo os organismos de defesa, por isso, compromete a imunidade. Desta maneira, o ideal é ter uma alimentação saudável e tentar manter a imunidade boa.

 

# Exposição à Radiação

Os efeitos da radiação sobre o sistema imunológico são bem temidos, porque os tratamentos e exames com radiação podem não atingir apenas as células alvo, como também outras presentes no organismo.

 

# Medicamentos

Os medicamentos como corticoides e imunossupressores são os mais conhecidos por enfraquecer a imunidade, já que são úteis para diversos tratamentos.

Deste modo, quando usados em excesso o corpo fica mais suscetível a infecções.

# Tensão pré-menstrual (TPM)

Devido às variações hormonais que acontecem nos ciclos menstruais, as funções de diversas células do organismo ficam afetadas, incluindo as do sistema imunológico.

Isso faz com que nesse período as mulheres fiquem mais propensas a certas doenças.

 

Quais os sintomas da imunidade baixa?

 

Quando o sistema imunológico está baixo, o corpo sente, pois apresenta inúmeros sintomas, já que a diminuição das defesas do organismo contra os parasitas causam doenças frequentes.

Como os sintomas são praticamente comuns, na maioria das vezes passa despercebido pelas pessoas.

Veja Também:

Entretanto, quando não ocorre o tratamento adequado, os sinais apresentados são alarmantes. Assim, caso perceba alguns dos sintomas que citaremos abaixo, procure um especialista para examiná-lo e iniciar um acompanhamento. Veja!

    • Cansaço excessivo;
    • Febre e calafrios frequentes;
    • Náuseas, vômitos e diarreias;
    • Gripes que duram semanas;
    • Infecções respiratórias constantes;
    • Herpes labial, estomatite e amigdalite na boca;
    • Herpes na região genital;
    • Perda ou ganho de peso;
    • Meningite e encefalite;
    • Otites no ouvido;
    • Queda de cabelo;
    • Unhas fracas;
    • Uso de drogas e álcool;
    • Estresse;
    • Depressão;
    • Deficiência de vitaminas;
    • Problemas na pele e predisposição a ferimentos.

 

O que fazer para aumentar a imunidade?

 

Estamos o tempo todo propensos a várias doenças, por isso, um simples descuido já é o suficiente para o sistema imunológico estar suscetível a alguma infecção ou vírus.

Quando o corpo é exposto a sucessivas mudanças de temperaturas, por exemplo, por conta do ar-condicionado, alterações ambientais, etc., é comum que a imunidade fique abalada.

Conseguinte, é muito importante ter consciência dos hábitos para manter sempre a imunidade alta e não ficar doente com frequência.

Mas o que fazer para aumentar a imunidade? É simples, basta seguir uma série de práticas simples que são eficazes para o sistema imunológico.

Conheça algumas dicas que podem turbinar o sistema imunológico e te deixar livre de doenças rotineiras:

    • Beba bastante água;
    • Tenha uma alimentação saudável;
    • Fique longe dos vícios;
    • Adote bons hábitos de higiene;
    • Pratique atividades físicas;
    • Não se estresse;
    • Tenha autoestima;
    • Use preservativos;
    • Tenha uma boa noite de sono;
    • Verifique se a carteirinha de vacina está em dia.

 

Quais alimentos são eficazes para o aumento da imunidade?

 

A alimentação é uma grande aliada para manter o sistema imunológico alto, pois são nos alimentos saudáveis que estão contidos as vitaminas, sais minerais e outras substâncias indispensáveis para o bom funcionamento do organismo e consequentemente para auxilia na prevenção de doenças.

Para aumentar a imunidade, o indivíduo deve ingerir quantidades suficientes de vitaminais e minerais.

A recomendação é evitar embutidos, enlatados, industrializados e fast food, que são ricos em açúcar, sal e gordura. Em vista disso, é imprescindível o consumo de proteínas de boa qualidade e de alguns nutrientes que afetam diretamente o sistema imunológico.

Então, saiba quais alimentos consumir para dar um “up” no sistema imunológico:

    • Frutas cítricas (laranja, limão, acerola, tangerina, kiwi).
    • Vegetais verdes escuros (couve, agrião, brócolis, espinafre, rúcula).
    • Oleaginosas e sementes (castanha de caju, gergelim, amêndoa, avelã).
    • Cereais e grãos integrais (feijão, lentilha, ervilha, grão de bico).
    • Alimentos fontes de ômega-3 (azeite, salmão, sardinha).
    • Fontes de antioxidantes (castanha do para, cogumelos).
    • Carnes bovinas;
    • Carnes de aves;
    • Ovos;
    • Iogurte natural;
    • Alho;
    • Cebola;
    • Própolis;
    • Gengibre;
    • Pimenta;
    • Tomate;

 

Como aumentar a Imunidade Rapidamente

 

(Por Dr. Moacir Rosa via Youtube)

 

Finalizando…

A imunidade é uma defesa do organismo contra diversas doenças causadas por agentes químicos ou biológicos.

Além de proteger e evitar o surgimento de doenças, ela impede a progressão, ou seja, quem tiver com a imunidade alta, por exemplo, e pegar uma gripe, os sintomas e os dias de recuperação vai ser menor do que uma pessoa que está com a imunidade baixa.

Desta maneira, a imunidade vai atuar na identificação e na destruição de células estranhas.

Manter o sistema imunológico alto é essencial, porque o organismo simplesmente estará protegido de doenças mais severas, mas é claro que algumas doenças como AIDS, diabetes, nutrição não adequada e o uso de determinados medicamentos podem contribuir para uma disfunção imunológica.

Veja Também:

Neste meio tempo, é importante frisar que caso apresente algum dos sintomas de baixa imunidade, recomenda-se procurar um especialista para verificar através de exames qual o melhor tratamento.

Mas lembrando de que práticas como ter uma boa alimentação, praticar atividades físicas, evitar o estresse e bebida alcoólica, já é uma boa pedida para auxiliar no aumento no sistema imunológico.

Todos estão suscetíveis a doenças, mas quando os hábitos são saudáveis de acordo com as dicas que relatamos neste conteúdo, é possível reverter o quadro, buscando garantir a defesa do organismo, bem como o seu equilíbrio.

 

...VEJA TAMBÉM...



Whey Protein Growth Chamada Grupo Whats

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui