«

»

abr 27

PH20 – Características do Pró-hormonal Ph20

 


ph20
Ele é um pré-hormonal?
É pró e não pré-hormonal. Não é sintético, é um estimulante muito forte. A tecnologia de absorção vem do mesmo laboratório que desenvolveu o Dilatex, fica tudo disponível na hora. Não substitui a cadeia, ele estimula de forma efetiva o que você já tem de hormônio. Mas mesmo assim precisa ciclar. Ele é para 20 dias e vai junto um Cycle Support para tomar nos próximos 10 dias.

 

Qual a diferença entre um pré e um pró-hormonal?
Pré-hormonais são hormônios sintéticos, que substituem o hormônio natural. Ph20 é pró, porque não substitui a cadeia, ele estimula de forma efetiva o que você já tem de hormônio. Mas mesmo assim precisa ciclar. Ele é para 20 dias e vai junto um Cycle Support para tomar nos próximos 10 dias.

 

Ele é tipo M-Drol, Halovar, M-Stane?
Ele é um suplemento pró-hormonal, não é um esteróide como os citados. Os ganhos são bons, mas sem efeitos colaterais. Temos recebido muitos relatos e os ganhos variam conforme seu treino e dieta. Tenho relatos de ganhos de 3Kg e de 8Kg. Variando bastante.

 

Tem que ciclar?
Cada frasco de Ph20 contém 100 cápsulas. Você deverá tomar 5 cápsulas ao longo de cada dia. Você deve distribuir as 5 cápsulas ao logo do dia, sem exceder 5 cápsulas a cada 24 horas. O frasco tem a duração de um ciclo de 20 dias. No 21º dia você começará a tomar as cápsulas do Cycle Support CYS:10 Post Assist, que você receberá junto com seu Ph20. Tome 1 cápsula de CYS:10Post Assist por dia durante 10 dias.

 

Como tomar?
Você deve tomar os todos os dias. Dias de treino e dias de off.
O importante é distanciar dos carboidratos e proteínas.
No caso pode tomar: 1 ao levantar, 1 entre o café e o almoço, 1 no meio da tarde e 2 antes de deitar. Durante 20 dias. No 21º dia começa a tomar o CYS:10, 1 por dia em qualquer horário.

 

Qual a fórmula do CYS:10 / O que é o CYS:10?

Ele é uma B12 especial à base de clorela. 33% da IDR de B12. Após o Ph20, somente o CYS:10 pode ser utilizado como suporte de ciclo, porque ele é balanceado exclusivamente como suporte para o Ph20 com a B12 da clorela, que é mais eficiente.

 

Quantas mg tem de arginina e ornitina?
As cápsulas do Ph20 são contém o fator Alphreaky, que somam 3g do complexo de Arginina e Ornitina em 5 cápsulas, mas a proporção não nos é informada pelo laboratório que desenvolveu a tecnologia. O que se sabe é que a proporção de 2 para 1 foi determinada por estudos para gerar os resultados que conhecemos do produto.

A grande diferença dele é que ele tem um alto grau de absorção pelo seu organismo. O fator Alphreaky gera 90% de biodisponibilidade, para uma liberação efetiva de GH.

 

Mas ele só tem arginina + ornitina?
Ele não é tão simples assim. A grande diferença dele é que ele tem um alto grau de absorção pelo seu organismo (mesma tecnologia do Dilatex, mas agora atuando no GH). O fator Alphreaky gera 90% de biodisponibilidade, para uma liberação efetiva de GH.
As cápsulas do Ph20 são contém o fator Alphreaky, que somam 3g do complexo de Arginina e Ornitina em 5 cápsulas, mas a proporção não nos é informada pelo laboratório que desenvolveu a tecnologia. O que se sabe é que a proporção de 2 para 1 foi determinada por estudos para gerar os resultados que conhecemos do produto.

 

Tem risco de Ginecomastia?
Não. Ph20 não causa Ginecomastia. Ele não baixa sua potência androgênica, portanto não cria problemas com ginecomastia. A afinidade SHBG de baixa ligação tem o mínimo de interferência com os níveis de SHBG e circuito livre de estrogênio e testosterona.

 

Tem risco de aromatização / Ele aromatiza?
Não. O uso de Ph20 nas dosagens recomendadas não apresenta uso de aromatização, não causando retenção de água nem risco de Ginecomastia.

 

Para que serve?

O GH tem um papel adicional indireto no crescimento por ser estimulante da síntese e liberação de insulina, que tem efeito anabolizante, aumentando o transporte de aminoácidos para o interior das células, aumentando a formação de proteínas para o ganho de massa magra.

O fator Alfhreaky de Ph20 inclui na sua fórmula a proporção de 2:1 de Arginina para Ornitina. A ornitina é um precursor da arginina, assim estão ligados intensamente e precisam um do outro para liberar o hormônio do crescimento (GH).

O GH tem um papel adicional indireto no crescimento por ser estimulante da síntese e liberação de insulina, que tem efeito anabolizante, aumentando o transporte de aminoácidos para o interior das células, aumentando a formação de proteínas e impedindo a sua degradação.

A síntese do GH é controlada pelo hormônio liberador de GH (GHRH) e pela somatostatina (SS). Outros hormônios e fatores também participam neste controle, tanto para estimular como para inibir a síntese e a liberação.

O fator Alfhreaky da fórmula de Ph20 têm ação sobre os receptores alfa-2-adrenérgicos dos neurônios hipotalâmicos, estimulando a liberação de GHRH e, conseqüentemente do GH. Verifica-se que o aumento da concentração de aminoácidos presentes na fórmula estimula a liberação de GH, por estimular a síntese protéica através do aumento da produção de somatomedinas.

Refeições ricas em proteínas, somadas a 3g do fator Alfhreaky apresentam um estimulante potente. Sob a forma oral, verificou-se que 3g foram capazes de resultados satisfatórios no ganho de massa magra.

O fator Alfhreaky de Ph20 inclui na sua fórmula a proporção de 2:1 de Arginina para Ornitina. A ornitina é um precursor da arginina, assim estão ligados intensamente e precisam um do outro para liberar o hormônio do crescimento (GH).

Para se aproveitar melhor a liberação do GH recomenda-se ter um jejum de 3 horas de ingestão de proteína e 2 horas de carboidrato, permitindo ter um direcionamento para o estimulo do GH e não haver uma competição dos aminoácidos para ultrapassar a proteção da hipófise.

Muitos dos mecanismos de ação do GH são claros, porém devido ao seu envolvimento em uma série de processos no organismo, os resultados podem variar de pessoa para pessoa.

Os ganhos promovidos pelo fator Alfhreaky da fórmula de Ph20 geralmente demorar algumas semanas para perceber, mas percebe-se rapidamente um ganho de força, densidade muscular e retenção de água mínima. Estes fatores são cruciais para a manutenção dos ganhos após o ciclo, com a necessidade de uma boa alimentação e treinamento contínuos.

O Ph20 é um suplemento do tipo pró-hormônio. Ela faz o seu próprio corpo acelere a produção de hormônio do crescimento (hGh ou somatrofina), provocando um ganho de massa muscular.

 

Ele causa perda do tecido adiposo?
Não. O nosso funciona dando explosão para o GH. A perda do tecido adiposo pode ser uma consequência do GH super estimulado, o que pode variar de pessoa para pessoa.

 

Ele tem registro?
Os suplementos pró-hormonios, de uma forma simplificada, são substâncias que quando metabolizadas pelo nosso corpo se transformam em esteróides anabolizantes ativos e naturais. Pró-hormônios não são esteróides anabolizantes até que são metabolizados pelo nosso corpo, portanto estão de acordo com a legislação brasileira e podem ser vendidos no Brasil.

 

Quantos quilos dá pra ganhar com ele?
O Ph20 foi projetado para auxiliar nas dietas e nos ganhos proporcionados pelo trabalho físico. Este suplemento não tem a finalidade de ganho de massa sem a prática de exercícios, deste modo não devem ser utilizados sem a supervisão de um profissional. Cada usuário tem seu histórico pessoal. Todos os fatores que proporcionam o ganho de massa como: dieta, treino, suplementação adicional, genética e o uso deste suplemento devem ser considerados para análise do ganho individual e devem ser acompanhados por um profissional.

 

É parecido com o Tribulus Terrestris?
Parecido no funcionamento, só que do Tribulus você só absorve 30% e o fator Alfhreaky dá 90% de absorção do Ph20.

 

Posso tomar com outros suplementos?
Ele foi projetado para otimizar toda a sua suplementação, dieta e treino. Pode ser tomado junto com outros suplementos sim.

 

Tem efeitos colaterais?
Não apresenta efeitos colaterais se utilizado conforme a orientação da embalagem.

 

Tem Contra-indicações?
Contra-indicado somente nos casos de gestantes, nutrizes e crianças.

 

Pode ser utilizado por mulheres?
Pode ser utilizado por ambos os sexos, já que o suplemento não tem relação com a testosterona e sim com o estímulo do GH, o hormônio de crescimento que é o mesmo em ambos os sexos.

 

 

ESTUDOS QUE COMPROVAM A EFICIÊNCIA DA FÓRMULA DO PH20

 

 

Ornitina e ganho de massa muscular:  rias formulações de aminoácidos têm sido utilizadas para aumentar a produção do hormônio do crescimento (GH) e elevação da liberação de insulina no organismo, o que proporciona um aumento da massa muscular.

Alguns autores mostraram bons resultados no ganho de massa muscular em experimentos que relacionam a ingestão de arginina e ornitina, bem como a combinação de L-arginina, L-ornitina e L-lisina com programas de exercício de força para fisiculturistas.

Outros estudiosos trouxeram que os aminoácidos mais utilizados, estudados e conhecidos na literatura científica para o aumento da produção de GH e liberação de insulina são a arginina e a ornitina.

Existem estudos que questionam a eficácia da suplementação de arginina e ornitina, sendo que ao mesmo tempo mais de 50 estudos demonstram ganhos significativos em massa muscular e melhora da composição corporal devido a essa utilização.

A utilização da ornitina deverá ocorrer em um estado prévio de jejum proteico de ao menos 3h, para não haver competição desse aminoácido com aqueles decorrentes da alimentação. Ela também tem função terapêutica, sendo utilizada no tratamento antiparasitário (2 cápsulas de 500mg na primeira noite, passando para 4 cápsulas na segunda e para 6 cápsulas na terceira) e da insônia afirma o jornal europeu de investigação clínica.

 

Artigo da revista J Sports Med Phys Fitness: Vinte e dois adultos participaram de um programa de treinamento de 5 semanas. Metade deles recebeu os aminoácidos L-arginina e L-ornitina, e a outra metade placebo. O estudo utilizou um protocolo duplo cego para que os avaliadores não tivessem conhecimento das substâncias que estavam sendo administradas. Segundo programas de treinamento de alta intensidade, os testes mediram a força total e a massa muscular magra. Os resultados mostraram que os indivíduos que estavam tomando a combinação arginina-ornitina obtiveram maior ganhos em força e em massa muscular magra do que o grupo placebo.*

Pesquisas comprovam que não basta haver a combinação desses dois aminoácidos. É preciso que os mesmos estejam presentes em concentrações ideais (2:1).  * J Sports Med Phys Fitness. 1989 Mar;29(1):52-6.

 

OUTRAS FONTES: O GH tem um papel adicional indireto no crescimento por ser hiperglicemiante e estimular a síntese e liberação de insulina, que tem efeito anabolizante, aumentando o transporte de aminoácidos para o interior das células, aumentando a formação de proteínas e impedindo a degradação destas.

A síntese do GH é controlada pelo hormônio liberador de GH (GHRH) e pela somatostatina (SS). Outros hormônios e fatores também participam neste controle, tanto para estimular como para inibir a síntese e a liberação.

O exercício e a arginina têm ação sobre os receptores alfa-2-adrenérgicos dos neurônios hipotalâmicos, estimulando a liberação de GHRH e, conseqüentemente, GH. Verifica-se que o aumento da concentração de aminoácidos e em especial da arginina, o aminoácido mais potente neste aspecto, estimula a liberação de GH, talvez por estimular a síntese protéica através do aumento da produção de somatomedinas. Ou seja, este mecanismo ainda não está bem definido.

Uma refeição rica em proteínas ou a infusão intravenosa (IV) de uma mistura de aminoácidos aumenta o nível plasmático de GH. A arginina é o aminoácido estimulante mais “potente”. Sob a forma oral, verificou-se que 5 e 9 g de L-arginina foram capazes de aumentar a secreção de GH em adultos. A ornitina é um precursor da arginina, assim estão ligados intensamente e precisam um do outro para liberar o hormônio do crescimento (FAYH et al., 2006).

O zinco estimula o crescimento por estimular a secreção de GH e de IGF-I. Verifica-se que a deficiência de zinco diminui a concentração plasmática de IGF-I e de receptores hepáticos de GH (GHR), resultando em deficiência no crescimento. A reposição de zinco na dieta parece ser uma maneira de se estimular indiretamente o crescimento, porém mais estudos devem ser realizados para se esclarecer doses e período de tratamento.

Muitos dos mecanismos de ação do GH são claros, porém devido ao seu envolvimento em uma série de processos no organismo, muitas questões permanecem em aberto (ROTUNNO e ZAIA, 2011).

FAYH et al., 2006
ROTUNNO e ZAIA, 2011

 

 

 

 

O post publicado possui autorização expressa do autor, todo o conteúdo exposto é de responsabilidade do mesmo.

 

Enviado pela equipe da Corpo e Treino

 

 

1 comentário

  1. kenny

    Quando tomar esse PH20 tem que evitar carboidratos e proteinas é isso ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Current day month ye@r *