10 alimentos obrigatórios para Combater as Estrias (Vídeo)

Alimentos para combater as Estrias
Whey Protein Growth
Whey Protein Growth
Whey Protein Growth
Whey Protein Growth

Embora as estrias sejam inofensivas para a saúde por serem superficiais, acabam sendo uma questão estética que gera preocupação para algumas pessoas, existem alguns recursos cosméticos e também podemos contar com alimentos para combater as estrias.

A prática regular de exercícios também é um aliado para evitar o aparecimento das estrias, porém isso não garantirá que elas não surgirão, pois há condições inevitáveis como a gravidez que contribuem para seu aparecimento.

Outra condição que pode desencadear o aparecimento das estrias é o crescimento, pois quando ocorre o desenvolvimento acelerado, isto poderá causar rupturas na pele e contribuir para o surgimento das estrias.

Nosso post hoje vai esclarecer o que são e as causas mais comuns das estrias, mostraremos também uma lista com alimentos para combater as estrias, então continue por aqui e aprenda mais sobre o assunto.

 

O que são Estrias?

 

As estrias se formam quando ocorre um estiramento abrupto da pele e isso destrói fibras do tecido epitelial e o colágeno, que é a proteína responsável para dar firmeza à pele.

As estrias podem  aparecer durante a gravidez,no início da fase de crescimento, quando acontece ganho acentuado de peso,fatores hormonais e genéticos,   uso de anabolizantes, uso prolongado de corticoides.

Leia também:

Receita Detox: Suco para Desinchar a Barriga
10 Alimentos Funcionais para intensificar a Perda de Peso
O poder do Colágeno para as Unhas (lista de nutrientes)

As linhas que aparecem são pelo fato de a pele ficar muito fina. Em alguns casos as estrias podem coçar e dar uma certa ardência, mas geralmente não acontecem estes síntomas.

Alguns fatores como alimentação adequada ajuda a evitá-las e existem alguns tipos de alimentos para combater as estrias.

 

Tipos de Estrias

 

Podemos dividir as estrias em:

 

Róseas ou Arroxeadas

São as estrias mais recentes e são estas que podem causar coceira e ardência, são as mais fáceis de tratar porque ainda há circulação sanguinea no local.

 

Esbranquiçadas e Estreitas

São as estrias antigas, com o passar do tempo estas linhas perderam a cor porque a circulação sanguínea no local ficou inadequada, portanto estas são mais difíceis de tratar.

 

Brancas Largas e Profundas

Exigem um tratamento mais invasivo que trate as estrias internamente.

 

Para evitar que se chegue a este ponto alguns cuidados precisam ser tomados e dentre eles está a inclusão dos alimentos para combater as estrias.

 

Alimentos que devem ser Evitados

 

Existem muitos alimentos para combater as estrias, mas também existem aqueles que podem prejudicar e agravar o quadro.

Confira os alimentos que devem ser consumidos com muita moderação para evitar estrias:

Creatina Growth
Creatina Growth
Creatina Growth
creatina Growth

 

Frituras

Estes alimentos são ricos em gorduras e portanto favorecem processos inflamatórios que podem causar lesões na pele.

 

Doces

Em excesso favorece o ganho de peso que pode resultar no estiramento da pele e estrias.

 

Alimentos Ultraprocessados

Bbiscoitos, refrigerantes, sucos de caixinha, etc.. estes são exemplos de alimentos que podem causar ganho de peso e provocar inflamações.

 

Carboidratos Simples

São de rápida absorção, aumentando a fome e podendo levar ao ganho de peso.

 

 

10 alimentos para Combater as Estrias

 

 

#1 – Germen de Trigo

Este cereal além de ajudar no bom funcionamento do intestino e de proporcionar saciedade contribuindo para o controle do peso, é também rico em silício, mineral essencial para a síntese de colágeno que é o responsável pela firmeza e fortalecimento da pele.

 

#2 – Pêssego, melancia, abacaxi e melão

Estas frutas são ricas em água e ajudam na hidratação da pele, fazendo com que ela ganhe mais elasticidade.

 

#3 – Feijão, castanha do pará e outros ricos em zinco

Este mineral age evitando que a as fibras da pele se rompam.

 

#4 – Chia, linhaça, semente de girassol, abóbora e gergelim

São ricos em vitamina E, esta vitamina protege e regenera os tecidos da pele.

 

#5 – Frutas Cítricas

São ricas em vitamina C que participa diretamente da síntese de colágeno.

 

#6 – Oleaginosas

Nnozes, castanhas, amêndoas, amendoim, etc… são ricas em ácidos graxos essenciais e vitamina E, estes nutrientes nutrem a pele e ajudam a mantê-la elástica.

 

#7 – Cereais Integrais

Farelo de trigo, granola, aveia, etc.. também são ricos em vitamina E, fundamental para restaurar a pele.

 

#8 – Batata Doce

Tem vitamina A que é responsável pela renovação das células da pele, cabelo e unhas.

 

#9 – Tomate

os benefícios estão relacionados a presença das vitaminas A e C que são antioxidantes e também por causa da vitamina E que protege e nutre a pele.

 

#10 – Banana

Rica em zinco, mineral que ajuda para a síntese de colágeno e também vitamina B6 que diminui o risco de desenvolver estrias.

 

Estes alimentos para combater as estrias devem ser inseridos na rotina alimentar para que façam o efeito desejado, mas também é necessário que eles estejam incluídos numa alimentação balanceada para que não haja ganho excessivo de peso que poderá desencadear o problema.

 

Tratamentos de Estrias Brancas, Roxas e Vermelhas

 

(PorPatricia Elias)

 

Leia também:

Receita Detox: Suco para Desinchar a Barriga
10 Alimentos Funcionais para intensificar a Perda de Peso
O poder do Colágeno para as Unhas (lista de nutrientes)

 

Finalizando…

Existem tratamentos estéticos para amenizar as estrias, mas também devem ser incluídos os alimentos para combater as estrias, pois eles ajudarão a recompor a pele nas camadas profundas e também ajudarão a mantê-la nutrida e com elasticidade.

Esperamos que este artigo tenha trazido boas informações e esclarecido dúvidas sobre quais alimentos podem ajudar a diminuir e evitar as estrias.

 

Não esqueçam de compartilhar e comentar!

Até a próxima!

 

Referência

MILEWICZ, D. M.; URBÁN, Z.; BOYD, C. Genetic disorders of the elastic fi ber system. Matrix Biology, Amsterdam, v. 19, n. 6, p. 471-480, nov. 2000.

 

...VEJA TAMBÉM...



Whey Protein Growth Chamada Grupo Whats

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui