27 abr

HGH ou GH: O que é, para que serve, benefícios, função, colaterais, como tomar

HGH ou GH O que é para que serve benefícios função colaterais como tomar

GH (Growth Hormone) ou também HGH (Human Growth Hormone) é o nome correto do hormônio chamado “hormônio do crescimento humano”, fundamental para várias funções humanas.

A ação do hormônio do crescimento é ampla, isso porque influencia tanto no crescimento (altura) como também no desenvolvimento de todas as células.

É na hipófise – glândula – que o GH é produzido e então secretado pelo organismo, interagindo com outras glândulas (adrenais, ovários, testículos).

Quando existe carência deste hormônio, a principal anomalia é a falta de crescimento físico, mas, há outras como veremos a seguir.

Já a situação contrária (excesso de GH ou acromegalia) resulta em disfunções como pés, mãos, orelhas e nariz excessivos.

Medicamentos para tratar pessoas com falta de GH, necessitam do hormônio propriamente. Estes são provindos de bactérias “escravas” chamadas de Escherichia coli.

Que recebem genes do hormônio do crescimento, produzem ilimitadamente e após extraídos são transformados em medicamentos específicos a base de GH.

Outrora (anos 60, 70 e 80), o GH era extraído de cadáveres e então manipulado para compor fármacos para serem utilizados para tratar situações clínicas aleatórias.

A interveniência humana, a fim de manter o corpo o maior tempo possível “jovem”, através de estudos e experimentos passou a explorar formas de uso do hormônio do crescimento.

Inclusive para mais vigor e ganho muscular em pessoas que praticam treinos de alto impacto, fisiculturistas e outros.

Saiba neste artigo como o GH é usado por quem deseja hipertrofiar, e aumentar a disposição. Saiba também os “por menores” sobre o assunto, inclusive sobre os riscos para quem usa esteroides sem orientação.

 

O que é GH / HGH?

 

Cientificamente, HGH é o hormônio do crescimento, da cadeia de aminoácidos (proteínas), e que atua imparcialmente sobre o sistema endócrino de pessoas e animais, especialmente vertebrados.

Pela lógica, quando chegamos a fase adulta, reduzimos drasticamente a produção do hormônio em questão. Em consequência a saúde e o físico são afetados, com sinais de:

  • Extremo cansaço;
  • Irregularidades mentais e comportamentais (baixa autoestima, depressão, ansiedade);
  • Redução da massa muscular;
  • Fraqueza óssea (menos mineral);
  • Envelhecimento da pele (flacidez, rugas);
  • Contração do tecido muscular (sarcopenia).

Com níveis menores do hormônio, existe a probabilidade do surgimento de insuficiência cardíaca e de forma global diminuição da probabilidade de vida.

Diante disso, é possível recorrer a suplementação ou tratamento clínico a base de somatotrofina, tanto para homens como para mulheres.

No entanto, com intuito de ganhos musculares, pessoas ainda jovens apostam na suplementação conhecidas como “estimuladoras de HGH”, visando melhor desempenho na busca pela hipertrofia.

Nestes suplementos encontramos, de fato, agentes (ingredientes) que servem para o propósito, entre eles:

  • Arginina;
  • Ornitica;
  • Gamma Oryzanol;
  • Tribulus terrestres.

E também vitamina B6, não o hormônio HGH propriamente.

 

Para que serve o GH / HGH (Human Growth Hormone)?

 

O hormônio do crescimento, como o nome sugere é indispensável para favorecer o crescimento longitudinal de pessoas e outros seres.

A ligação direta do GH através da somatomedina C, (outro hormônio), em concomitância, servem para que o anabolismo – uma das fases do metabolismo – ocorra continuamente e adequadamente.

Ou seja, os tecidos se desenvolvam e a pessoa cresça de acordo com estimativas para faixa etária.

Uma criança com deficiência na produção é acometida pelo “nanismo”, e as vezes pode comprometer vários órgãos internos, prejudicando também o desenvolvimento destes.

Leia também:

2 Dicas para aumentar os níveis de GH de forma Natural

Entenda porque o ZMA aumenta os níveis de Testosterona e GH

Abacate: um poderoso aliado para quem precisa repor GH

GH proporciona Crescimento ou da Definição Muscular?

Entenda o que é GH, para que serve e seus efeitos!

O excesso de hormônio, também traz inconvenientes, como á vimos no início deste artigo.

Drogas para tratamento da disfunção na produção de GH são regulamentadas pela ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) e só podem ser prescritas por médicos, através de receita.

Atletas em geral buscam ajuda de substância estimuladoras da produção de GH, justamente porque auxilia na redução do tempo de restauração entre cada treino.

Porém, o uso é considerado doping, e pode afastar estes de suas competições e torneios.

Além disso, a somatotrofina favorece também o aumento da resistência de tendões e ligamentos, reduz a síntese de glicogênio, e é potencialmente eficiente para:

  • Estimular a produção do colágeno, importante para elasticidade e tônus da pele;
  • Ajuda a fortalecer o sistema imunológico;
  • Serve também para reter mais nitrogênio e potássio no organismo;
  • Automaticamente diminui a gordura (reservas) promovendo maior definição corporal (músculos trincados).

 

Quais os benefícios com do GH / HGH (hormônio do crescimento humano)

 

As primeiras pesquisas foram relevantes para que o HGH pudesse ser isolado e se tornasse medicamento, tornando-se um aliado no combate a patologias decorrentes da falta ou excesso.

Pessoas adultas que fazem uso de suplementos liberadores de HGH percebem melhorias significativas, entre elas:

  • Aumenta o vigor físico com muita mais disposição para os exercícios;
  • Auxilia para a sensação de bem-estar geral;
  • Polivalente para melhorar a densidade óssea;
  • Ativa a capacidade mental, evitando estafas e desânimo;
  • Age para melhorar a disposição sexual e performance;
  • Auxilio para quem deseja emagrecer.

Mas para quem deseja utiliza-lo na musculação por exemplo, percebe ganhos gigantes principalmente em força, tônus e aumento de massa.

Whey Protein GrowthWhey Protein Growth

Além disso 3 fatores são bem específicos para somar a vida dos fisiculturistas:

 

1. A secreção do Growth Hormone, auxilia para que Ácidos Graxos sejam dispensados no organismo.

A quebra dos ácidos graxos em unidades sutis, ajudam a transportar energia mais rapidamente para os músculos.

Com a síntese proteica o organismo necessita utilizar a gordura corporal como energia, promovendo assim metabolismo acelerado.

 

2. Otimização da síntese proteica. Especialmente com a síntese do ácido ribonucleico que potencializa a resistência muscular.

Evita também o catabolismo e isso sugere elevação da proteína orgânica, essencial para reconstruir músculos após seções de treinos.

 

3. Condensação de glicogênio. Como o HGH influencia para que as gorduras sejam metabolizadas como forma de energia, as taxas glicêmicas quase não sofrem influência.

Neste caso, as reservas de glicogênio são gastas necessitando reposição rápida para resistência nos treinos posteriores, e é então que entre a carga HGH para ajudar neste processo.

O auxílio extra do Somatotrofina para manter reservas de carboidratos é uma das motivações principais para que homens e mulheres apostem no esteroide para chegar ao “corpo volumoso”, mas com definição.

 

Qual a função do GH / HGH no organismo

 

Como falamos no início, medicamentos a base de GH são providenciais para melhorar a qualidade de vida de crianças e adolescentes acometidos pela falta ou excesso.

No entanto, pessoas também utilizam reposição deste hormônio apenas para fins estéticos (pele, cabelo, emagrecimento, etc.)

Já para quem pratica fisiculturismo, doses do hormônio (previamente consideradas) ajudam a eliminar gordura desnecessária e aumentar a massa magra.

Bodybuilders costumam conjugar suplementos GH com outros esteroides anabolizantes (EAS) e alcançam shape ímpar, principalmente com alta performance vascular e pele vibrante.

Como não existe linearidade na secreção do hormônio, é fundamental providenciar a dosagem antes de considerar a reposição, ainda mais entre 20 e 50 anos.

Onde existe a queda, porém, variável em cada organismo.

Falando um pouco sobre a secreção, há estudos que apontam algumas situações que a potencializam.

Stress, dieta (determinados alimentos), atividade física (em especial a musculação) e sono são situações progenitoras para aumentar a liberação de GH na corrente sanguínea.

Vale salientar que é muito positivo recorrer a fármacos que contém o hormônio quando este somar a qualidade de vida, em particular a pessoas doentes.

Porém é importante consultar um médico especialista para diagnosticar e prescrever o tratamento específico para cada doença decorrente do desequilíbrio de GH.

 

O que o excesso do GH / HGH pode causar?

 

A Somatotrofina injetada por muitos adeptos da musculação, é  muito semelhante a que o organismo produz.

No entanto, quando sintetizada sua absorção é muito diferente e também não existe controle sobre a quantidade.

Neste caso, a sobrecarga para os rins e fígado é extrema, e pode comprometer estes e outros órgãos, com danos irreversíveis, inclusive há casos de incidência de tumores malignos.

Leia também:

2 Dicas para aumentar os níveis de GH de forma Natural

Entenda porque o ZMA aumenta os níveis de Testosterona e GH

Abacate: um poderoso aliado para quem precisa repor GH

GH proporciona Crescimento ou da Definição Muscular?

Entenda o que é GH, para que serve e seus efeitos!

Tendões e ossos também sofrem com problemas devido ao excesso, principalmente com rompimentos e obstruções.

Há casos em que a aparência física também fica prejudicada, principal mente com o aumento das partes moles (queixo, orelhas e nariz avantajados).

 

Efeitos colaterais do GH / HGH

 

Muitos, generalizados e persistentes, os efeitos colaterais de anabolizantes com GH reforçam que a substância realmente só deve ser usada por quem precisa.

As vezes severos, os efeitos colaterais variam conforme a tolerância do organismo. Entre eles podemos relacionar:

  • Dores generalizadas (músculos e articulações);
  • Retenção da urina (levando o corpo a inchar);
  • Chances de desenvolver hipertensão;
  • Ocorrência da síndrome do pseudotumor cerebral;
  • Dores de cabeça;
  • Problemas na Tireoide;
  • Vertigens;
  • Interferências no modo de caminha (aceleração);
  • Enjoos e vômitos;
  • Disfunção sexual e impotência;
  • Formigamentos;
  • Micro lesões nos locais de aplicação.

Entre outras que podem surgir no decorrer do tratamento!

 

Como usar GH / HGH

 

Anabolizantes com GH são ofertados para injetar diretamente no tecido (braços, glúteos, coxas e abdômen) de forma subcutânea.

É um produto considerado caro, levando em conta o tamanho de ciclo (3 a 6 meses).

As aplicações são diárias e para cada fase é recomendado determinada quantidade/dia. Normalmente iniciante aderem a 4UI duas vezes ao dia.

A sigla UI refere-se a “unidades de produto”. O mercado disponibiliza quantidades diversas. Exemplo 2UI; 3UI, 4UI…. e assim por diante.

 

Considerações finais sobre o uso do hormônio do crescimento GH / HGH

Pessoas que são diagnosticas com neoplasias malignas não devem fazer uso de esteroides, isso porque a doença se potencializa, trazendo complicações severas ao organismo.

Diabéticos, pessoas em processo de recuperação pós-operatório, insuficientes respiratórios, grávidas e nutrizes também não devem fazer uso de esteroides anabolizantes com GH.

Veja bem, somente o diagnóstico preciso de um médico pode garantir que você precisa deste produto.

 

Se gostou do artigo de hoje, aproveite para compartilhar e sinta-se à vontade para deixar sua opinião sobre o assunto!

No mais, treine, alimente-se corretamente e durma (pois isso ajuda secretar GH naturalmente).

 






DICAS RELACIONADAS


3 comentários em “HGH ou GH: O que é, para que serve, benefícios, função, colaterais, como tomar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Ir para o topo

Copyright© 2018 Dicas de Treino.