02 out

Quais os Benefícios e resultados esperar quando se usa Suplemento Alimentar?

Quais os Benefícios e resultados esperar quando se usa Suplemento Alimentar

Consumir suplemento alimentar é hábito cada vez mais comum. A origem está na antiguidade e atletas buscavam o recurso para se encherem de bravura e força.

Quem ainda não ouviu falar dos suplementos funcionais?

Pois as fórmulas sintéticas, algumas inteligentemente pensadas e elaboradas com recursos de última geração, que inclui matéria prima selecionada e processos tecnológicos de ponta, é parte da rotina de milhões de pessoas no mundo.

Na história da humanidade, desde os anos 400 a.C. relatos sobre o comportamento de soldados, atletas e pessoas que buscavam força, dizem que recebiam orientações para aproveitar determinadas partes de animais (fígado, coração, etc.) para isso.

Nossa maior referência em esportes e o consumo de suplemento alimentar, é sem dúvida dos povos de Roma Antiga e Grécia Antiga. Frutas, verduras, vinho e mais tarde a carne, eram requisitos para compor o cardápio de competidores.

O lutador da Grécia Pythagoras de Cróton, tinha por hábito comer muita carne (mais de 8Kg) e beber muito vinho (mais de 7litros) em dias de competição.

 

Uma história de Controvérsias!

 

Hoje, não precisamos mais recorrer a alimentos sólidos e rústicos para melhorar o que chamamos de nutrição ergogênica.

Pois, através da ampliação dos estudos sobre fisiologia e nutrição, modulações de dietas com suplementação específica são elaboradas para melhorar a performance de atletas ou mesmo de quem pratica exercícios de forma descompromissada.

No Brasil, os suplementos surgiram através da manipulação de ervas, cujas, eram remédios utilizados por índios, e que, a medida que exploradores ocupavam nossas terras, usurpavam grande parte e transportavam para o exterior transformando em medicamentos sintéticos.

Gradualmente, essas ervas foram sendo incorporadas a aminoácidos, alguns tipos de carboidratos, ácidos, minerais, vitaminas, enzimas e proteínas resultando em fórmulas líquidas, encapsuladas ou pós.

Timidamente na década de 80, para uma explosão de consumo nos anos 2000, o suplemento alimentar é um item controverso ainda.

Apesar da livre comercialização, há quem se posiciona contra o uso, e o argumento é a falta de provas substanciais da eficácia. Contudo, a comunidade científica e o senso comum, buscam com veemência provar o quanto podemos nos beneficiar destes compostos.

Para mais precisão dos diferentes contextos e opiniões, veja no tópico abaixo o que é considerado um suplemento alimentar.

 

O que pode ser considerado um suplemento alimentar?

 

De acordo com a ANVISA – Agência Nacional de Vigilância Sanitária, as regras regulatórias visam melhorar a relação da população com suplementos, e por isso, constantemente revê e disponibiliza informações atualizadas sobre este nicho.

E, de acordo com a última revisão (julho/2018), definiu suplemento alimentar como fórmulas que servem para alimentar pessoas saudáveis, oferecendo mais nutrição através de propostas com bioativos, probióticos, aditivos e enzimas.

Na mesma ocasião, novas definições de grupos, quais tipos e quais quantidades de suplemento para cada, foram estabelecidas. Além de exigências para orientar melhor pessoas que estejam interessadas em consumir suplemento alimentar.

Sim, suplemento é uma substância química, mas, o controle, a indicação, quantidade a ser consumida, principalmente para minimizar efeitos colaterais, deve serão tão rígidos quanto a um remédio, por exemplo.

Chamados também de multivitamínicos, muitas vezes contém várias substâncias em apenas uma fórmula, outros são bem específicos e oferecem apenas um elemento como a proteína, creatina, vitamina B, albumina, etc.

 

Suplemento Alimentar não é tudo igual!

 

Como falamos no início, o suplemento alimentar moderno é o resultado de pesquisas aprofundadas (não são um tiro no escuro).

Entretanto, o apelo maçante da mídia, o mercado negro e os aproveitadores, contribuem para a oferta de produtos com baixíssima qualidade.

Por isso aproveitamos o post para te lembrar que se deseja resultados com suplemento alimentar somente adquira de fabricantes idôneos, responsáveis e licenciados.

Conforme a composição (proteína, carboidrato, vitamina, minerais) os suplementos são classificados em:

  • Proteicos: para ganho de mais massa;
  • Hipercalórico: para ganhar mais peso;
  • Antioxidantes: para conter o envelhecimento celular;
  • Termogênicos: para auxiliar a perder peso;
  • Hormonais: para regularizar hormônios.

 

Qual o mais famoso suplemento alimentar e lista dos principais

 

Para melhorar a saúde dos atletas, o primeiro suplemento genuinamente brasileiro Proteinato de Cálcio, surgiu como proposta para melhorar níveis de cálcio.

Na década de 90, nos Estados Unidos, a flexibilidade do governo foi determinante para que muitos suplementos surgissem.

Hoje, segundo dados da Abiad – Associação Brasileira da Indústria de Suplementos para Fins Especiais e Congêneres, mais de 50% das famílias contam com alguém que consome suplemento.

Em relação ao mais famoso, o Whey Protein (proteína isolada do soro de leite) ocupa a primeira posição mundialmente, e é também o que tem mais amplo reconhecimento científico.

Mas, são vários outros que agradam e somam a saúde de esportistas e pessoas comuns que buscam melhorar o valor nutricional da dieta. Confira:

Creatina: Sua síntese provem dos aminoácidos Glicina, Arginina e Metionina, sua função é objetiva, ganho de massa muscular;

Dextrose: Carboidrato de rápida absorção é indicado para melhorar os níveis de energia;

BCAA (aminoácidos de cadeia ramificada): Também resultados de aminoácidos do tipo Leucina, Isoleucina e Valina é excepcional para produzir um tipo de proteína no organismo;

Glutamina: Mesmo presente no organismo humano, deve ser reposto quando existe a prática esportiva. Serve para melhorar o sistema imunológico e recuperação muscular pós-treino;

L-Arginina: Serve para mais dilatação e mais massa muscular;

Termogênicos: Que contam com ingrediente que aceleram o metabolismo através da termogênese, servem para emagrecer;

Minerais do tipo eletrolíticos: Indicados para melhorar a hidratação do atleta.

Além desse, existem ainda outros, que são sub-produtos ou que possuem elementos naturais como derivados de plantas, por exemplo, chamados de suplementos fitoterápicos.

 

Quais resultados esperar quando se usa suplemento alimentar?

 

Sumariamente o que se espera é uma lista de benefícios e melhorias, certo?

E isso realmente acontece!

Quando o suplemento alimentar é usado para fins clínicos (porque isso também acontece) melhorias no quadro geral do paciente é logo percebida.

Principalmente porque muitos estão em momento complicados, inaptos para alimentação oral, e então recebem, até mesmo em via parenteral suplementos.

Para uma pessoa sedentária suplementos nem sempre são recursos indicados, exceto termogênicos, antioxidantes e melhoradores de secreção hormonal, como citado anteriormente.

Entre os resultados genéricos, muito positivos e evidentes percebidos pelo uso de suplemento alimentar, podemos citar:

  • Melhorias no desempenho global com mais dinâmica, desenvoltura e disposição;
  • Mudança para melhor no humor; sono e rendimento;
  • Diminuição do tempo de recuperação dos músculos;
  • Otimização no processo de emagrecimento;
  • Combate aos radicas livres que são cruéis e nos fazem envelhecer;
  • Aumento considerável na imunidade, evitando contaminações e inflamações;
  • Ganhos significantes em energia, tanto para se exercitar como também para dar conta das atividades e compromissos da rotina;
  • Melhorias nos processos de absorção de vitaminas e minerais presentes na dieta;
  • Mais vitalidade para a pele, cabelo, unhas e dentes;
  • Proteção para ligamentos, nervos e ossos;
  • Incentivo para produção de hormônios e neurotransmissores importantes como hormônio do crescimento, testosterona, dopamina, serotonina e outros.

Mas, há alguns aspectos na vida humana que são dependentes do uso de suplemento alimentar, são eles: Ganho de massa, anabolismo, catabolismo, síntese proteica, e também como precursores para evitar doenças, como veremos no próximo tópico.

 

Suplemento Alimentar como coadjuvante para Alta Performance!

 

Whey Protein GrowthWhey Protein Growth

Especialista no assunto de suplementos dizem que a nutrição tem peso 60 de 100 quando o assunto é performance de atletas.

Peguemos como exemplo um fisiculturista, que precisa em torno de 3,0g de proteína/quilo/dia. É sabido que grande parte deste nutriente provem da suplementação.

É ela quem vai garantir anabolismo, mas também força e resistência. Além de evitar que a fadiga decorrente do treino crie micro lesões nas fibras musculares.

Nesta situação, suplementos como Whey Protein entram em cena, porque a lista de vantagens ou resultados é ampla e interessante para o atleta.

Leia também:

Whey Protein Concentrado – O que é, para que serve e seus Benefícios

Whey Protein Isolado – O que é, para que serve e seus Benefícios

Whey Protein Hidrolisado – O que é, para que serve e seus Benefícios

A cena se repete também em outras modalidades esportivas (corrida, halterofilismo, natação, etc.), onde a suplementação garante quantidades coerentes de aminoácidos, minerais, antioxidantes e vitaminas.

A funcionalidade dos suplementos, também garantem a incrível prevenção de doenças.

Desde proteção para evitar Alzheimer, infartos, depressão, diabetes, hipertensão… até tratamento para impotência sexual, é possível consumindo BCAAs; creatina, biotina, Whey Protein, glutamina, albumina e outros.

 

Quebrando um mito: Suplemento alimentar Não Engorda

 

Com exceção dos hipercalóricos – que na verdade só vai engordar se a pessoa não se exercitar – os suplementos, quando usados com bom senso não interferem no aumento de peso.

Ao contrário, levas de termogênicos são potentes para emagrecer, igualmente o whey a glutamina, que ajudam muito no saciamento e na saturação da glicose no organismo não engordam.

O que pode levar ao aumento de peso quando usamos suplemento alimentar é o uso desregrado ou em conflito com a dieta.

Dietas excessivamente calorias, repletas de carboidratos simples, açúcar e carente de fibras e proteína são as responsáveis pelo acúmulo de gordura.

Lembramos ainda que alguns suplementos, como por exemplo o Multivitamínico da Growth Supplements,  possuem cromo.

O cromo é um mineral fantástico para inibir a vontade por doces. Isso é uma vitória, para quem deseja emagrecer, por exemplo.

 

Quebrando outro mito: Suplemento alimentar não é ‘modinha’

 

Você lembra o que falamos na introdução?

Pois reafirmamos aqui que suplemento alimentar é o resultado inteligente de uma fórmula previamente pensada, cujo objetivo é somar, jamais prejudicar.

Em um dos congressos, especificamente de 2015 (Califórnia em San Diego), ministrado pelo ACSM – Colégio Americano de Medicina Esportiva, notoriamente um encontro científico de alta magnitude, falaram sobre o uso de suplementos no mundo.

Leia também:

BCAA: O que é, para que serve, benefícios, função, colaterais, como tomar

O que é a Glutamina, para que serve, benefícios, efeitos colaterais, como tomar

CREATINA: O que é, para que serve, benefícios, função, colaterais, como tomar

Pré-Treino: para que serve, benefícios, excesso, efeitos colaterais, como tomar

Ocasião em que mais de 4500 cientistas estavam reunidos, e uma das conclusões foi que o uso de suplemento alimentar é de grande valia para a promoção da saúde de modo geral, bem como recuperar músculos fadigados, com notoriedade o aminoácido Leucina, manifesta no BCAA.

Médicos renomados recomendam whey protein a pacientes diabéticos, hipertensos e que precisam melhorar a saúde vascular e cardíaca.

 

Como consumir suplemento alimentar

 

Como já dito, suplementos normalmente são ofertados em versões em pó, líquida, cápsulas, tabletes, barras e em alguns casos até injeções.

Considerar a biodisponibilidade de cada um e como se adaptam as particularidades de cada organismo é muito importante, e isso é uma tarefa que exige avaliação profissional (nutricionista ou médico).

Pós podem ser adicionados a shakes, vitaminas com frutas e água de coco; bolos; pães; omeletes; sorvetes; sobremesas, etc. E podem ser consumidos em horários específicos conforme a necessidade da pessoa.

Cápsulas são práticas e ideais para levar sempre consigo e não perder o horário de tomada, assim como tabletes, barras e suplemento alimentar líquido.

Em relação aos horários, existe suplemento alimentar característico para períodos como pré-treino, pós-treino, ao acordar e também para noite.

Vale conferir nossos artigos que orientam com precisão estes temas:

10 Alimentos para comer no Pré-Treino (para Hipertrofia Muscular)

10 Alimentos para comer no Pós-Treino (para Hipertrofia Muscular)

10 Alimentos para comer Antes de Dormir (para Hipertrofia Muscular)

 

Onde comprar suplemento alimentar com segurança

 

A disseminação e a permissividade também evidente no comércio de suplemento alimentar parece ter transformado o nicho em algo volátil.

Justamente por isso, reafirmamos que quando pensar em adquirir suplementos deverá:

  • Consultar rótulos;
  • Conferir a regularidade do fabricante;
  • Manter atenção no modo de tomar;
  • Conhecer se tem efeitos colaterais e quais são;
  • Quais são as contraindicações.

E outros detalhes.

Entre centenas de fabricantes, milhares de pontos de venda físicos, inúmeros sites na internet, sugerimos escolher a Growth Supplements.

A Growth tem ampla experiência e certificação reconhecida na elaboração e comercialização de suplemento alimentar tanto para espaços físicos como em sites rigorosamente escolhidos na internet.

Sustentada em técnicas modernas, matéria prima de primeira qualidade e conceitos funcionais e atuais sobre composição nutricional de suplementos praticados em todo o mundo, você estará seguro comprando produtos Growth Supplements.

Acesse o site e confira de perto o portfólio de suplementos da Growth!

 

Encerrando nosso assunto sobre suplemento alimentar…

Lembramos que poderá enviar quais dúvidas ainda tem sobre suplementos e se desejar sinta-se livre para compartilhar o post!

 

Referências

SANTOS, R. P.; SANTOS, M. A. A. Uso de suplementos alimentares como forma de melhorar a performance nos programas de atividade física em academias de ginástica.

DURAN AC, Latorre MR, Florindo AA, Jaime PC. Correlação entre consumo alimentar e nível de atividade física habitual de praticantes de exercícios físicos em academia. R Bras Ci e Mov 2004.

CRUZAT VF, Rogero MM, Borges MC, Tirapegui J. Aspectos atuais sobre estresse oxidativo, exercícios físicos e suplementação. Rev Bras Med Esporte. 2007.

 




DICAS RELACIONADAS


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Ir para o topo

Copyright© 2018 Dicas de Treino.