27 abr

SÓDIO: O que é, para que serve, benefícios, função, colaterais, como tomar

SÓDIO O que é para que serve benefícios função colaterais como tomar

Todos os minerais são importantes para o nosso corpo de alguma maneira e com o sódio isso não é diferente. Embora muitas pessoas fazem confusão sobre a função dele no organismo, sua ingestão deve ser diária, para que seja possível manter a saúde em dia.

No artigo de hoje, explicaremos tudo sobre o sódio, desde sua função geral, para que ele serve, explicaremos quais são os sintomas da sua carência e também do seu excesso, além de citar os alimentos que mais o contém.

Também explicaremos se os suplementos são ou não necessários para o corpo e quando eles devem fazer parte da sua vida. Confira tudo que separamos mais abaixo!

 

O que é o Sódio?

 

O sódio é mais um dos minerais essenciais para a nossa saúde. Mas não se confunda: existe também o cloreto de sódio, que é o nosso famoso sal de cozinha. Este é a união entre o sódio e o cloro e não será alvo do nosso artigo de hoje.

O sódio em sua forma pura é encontrado apenas nos alimentos in natura e em alguns suplementos indicados por médicos e nutricionistas. O consumo dele é fundamental para nossa saúde e deve ser diário – sem excessos, obviamente.

Já o cloreto de sódio não é tão necessário e até deve ser evitado se quisermos manter nosso bem-estar físico.

 

Para que serve o Sódio?

 

O sódio tem, basicamente, a função de reter líquidos em nosso corpo. Ou seja, ele serve para impedir que percamos todo a nossa água de uma única vez e que haja a desidratação.

Sem o mineral, nosso corpo pode sofrer graves sequelas, que são irreversíveis a longo prazo. Por isso, engana-se quem pensa que ele não é necessário ou deve ser evitado a todo custo. O que devemos manter em mente é que o sódio deve ser o mais natural possível e que sua ingestão não precisa ser alta para que seus efeitos sejam benéficos.

Além da questão da retenção de líquidos, o sódio também atua no sangue e nos impulsos elétricos do coração.

Leia também:

ZINCO: O que é, para que serve, benefícios, função, colaterais, como tomar

CÁLCIO: O que é, para que serve, benefícios, função, colaterais, como tomar

POTÁSSIO: O que é, para que serve, benefícios, função, colaterais, como tomar

MAGNÉSIO: O que é, para que serve, benefícios, função, colaterais, como tomar

Isso sem falar na sua função na saúde neurológica, que pode ficar deficiente sem o mineral. Por isso, esqueça a ideia de que o sódio só pode te causar mal e compreenda-o como um nutriente tão essencial quanto qualquer outro – desde que consumo seja equilibrado e feito corretamente através de alimentos saudáveis.

 

Benefícios do Sódio

 

Manter nossa Hidratação em Dia

Imagine que todo o líquido que você ingere é automaticamente expelido pelo seu corpo através da urina. O resultado seria uma desidratação profunda e uma dificuldade imensa de realizar qualquer atividade física ou viver uma vida normal.

É aí que o sódio entra: ele é fundamental para que a hidratação seja mantida e para que os outros minerais não joguem fora toda a água do nosso corpo. Para quem treina, é ainda mais importante, pois são pessoas que perdem muito mais líquidos durante as atividades.

É essa hidratação, também, que irá manter o pH do sangue equilibrado e nossa saúde em dia.

 

Saúde do Coração

Como falamos mais acima, o mineral também auxilia a manter os impulsos elétricos do coração. Isso significa que o mineral pode ser essencial para que o órgão funcione corretamente e de forma saudável. Esses impulsos elétricos ajudam no batimento, tanto na questão da velocidade como também na velocidade.

Obviamente, é preciso manter um equilíbrio no seu consumo, evitando que ele seja exagerado. O ideal é fazer essa ingestão apenas de forma natural, não levando em conta o cloreto de sódio e nem os alimentos industrializados.

 

Proteger os Rins

Se o sódio age diretamente na hidratação corporal, ele pode ser considerado um dos minerais mais importantes para manter a saúde dos rins. Sem o controle correto que o sódio promove, os rins podem sentir a falta d’água e até mesmo pararem. Por isso, é importante manter a ingestão diária do mineral.

Assim como o seu excesso pode causar problemas – como falaremos mais abaixo – sua falta também deve ser sinal de preocupação.

 

Emagrecimento

Por incrível que pareça, o sódio é importante para o emagrecimento. Será ele que irá manter nossa disposição em alta, especialmente devido à hidratação correta. Por isso, se você está pensando em perder peso, deve manter o consumo de sódio dentro dos padrões estabelecidos como ideais – esses valores geralmente variam entre 1000 a 5000 mg por dia, dependendo de cada organismo.

Além da hidratação, o sódio irá ajudar na contração muscular, mantendo a água dentro dos músculos. Dessa forma, as atividades ficam mais otimizadas e não há o risco da fadiga muscular.

 

Whey Protein GrowthWhey Protein Growth

Carência de Sódio – O que ela causa?

 

A carência de sódio tem um nome científico, que é Hiponatremia. Seus sintomas podem ser mais ou menos intensos, dependendo do tempo em que o mineral está em falta no organismo. Vamos aos principais deles:

Dores de cabeça severas: A falta de sódio no sangue pode gerar dores de cabeça muito intensas, como as enxaquecas. É por esse motivo que pessoas com esse tipo de dor devem realizar exames de sangue para descobrirem se há realmente uma baixa nutrição e corrigi-la a fim de diminuir os sintomas. As dores de cabeça ocorrem por causa da falta de hidratação no cérebro, basicamente.

Fraqueza: Além de dores de cabeça, podem haver sintomas de fraqueza e fadiga intensa. Mais uma vez, a causa principal é a falta de hidratação no corpo, que pode fazer com que o organismo se sinta obrigado a evitar o gasto de energia.

Vômitos e diarreias: Em casos muito intensos de falta do mineral no organismo, podem ocorrer sintomas como vômitos, náuseas e até diarreias. Devido a desidratação, esses sintomas podem ser extremamente perigosos, pois pioram o quadro do paciente e fazem com que ele perca o pouco de água que ainda têm. São casos assim que o médico pode pedir o soro na veia e medicamentos mais fortes para repor o mineral.

Coração acelerado: Por fim, pode haver também como sintoma inicial, uma arritmia cardíaca, que é a aceleração do coração sem motivo aparente e em repouso. É importante ficar muito atento a esse sintoma, que também pode ter ligação com outras doenças. Porém, os exames de sódio devem ser feitos para garantir que não é falta do nutriente.

Em todos os casos, o médico deve ser consultado para garantir a medicação caso seja necessária ou mesmo uma dieta rica em sódio – de forma natural, não o sal de cozinha.

 

Excesso de Sódio – O que ele causa?

 

Todo mundo já sabe que o sódio não pode ser consumido em excesso, porém, nem sempre é fácil identificar os sintomas do seu excesso logo quando eles aparecem. Os mais comuns costumam ser:

Hipertensão: A pressão fica elevada sempre que o sódio está em excesso e isso é bastante comum mesmo em quem não tem nenhum problema com ela. É por isso que alimentos muito salgados podem subir a pressão bruscamente e são um risco para pessoas propensas.

Retenção líquida: Obviamente, o excesso de sódio pode causar retenção líquida e deixar o corpo mais inchado e pesado. Pode haver aumento de peso temporário e até mesmo uma sensação de desconforto.

Fadiga: Por fim, o excesso de sódio pode causar fadiga e cansaço, especialmente devido à retenção líquida que citamos mais acima.

 

Alimentos com Sódio

 

É comum que as pessoas acreditem que o sódio é apenas aquele encontrado nos produtos industrializados ou no sal de cozinha. Na verdade, esse é o tipo de sódio que menos deve ser consumido para que tenhamos uma vida saudável. Separamos uma lista com alimentos que contém o mineral na sua forma mais pura. Confira:

Carnes: Em geral, as carnes são ricas em sódio. Porém, vale lembrar que as carnes processadas são ricas em sódio na sua forma mais prejudicial. Opte pelas mais saudáveis, como as de peixes, que possuem o nutriente mais puro.

Algas: As algas também são ricas em sódio e podem ser consumidas, desde que sem exageros. No geral, elas são bastante saudáveis e excelentes opções para obter o nutriente.

Leites e derivados: Por fim, os leites e derivados contam com alto teor de sódio. Quanto mais natural ele for e menos processado, melhor para a saúde de forma geral.

Frutas e legumes, por outro lado, quase não contém minerais e podem ser consumidas sem culpa por pessoas que precisam diminuir o excesso do mineral no corpo.

 

Suplementação

 

É muito raro ser necessário fazer qualquer suplementação com sódio, especialmente porque vivemos em uma sociedade em que o excesso é mais comum do que a falta.

Caso seja preciso, apenas o médico deve fazer essa indicação, pois o excesso de sódio é arriscado e causa inúmeros problemas, como falamos acima.

Leia também:

ZINCO: O que é, para que serve, benefícios, função, colaterais, como tomar

CÁLCIO: O que é, para que serve, benefícios, função, colaterais, como tomar

POTÁSSIO: O que é, para que serve, benefícios, função, colaterais, como tomar

MAGNÉSIO: O que é, para que serve, benefícios, função, colaterais, como tomar

No geral, a alimentação rica em alimentos que citamos já é o suficiente para garantir q a quantidade diária necessária para a saúde do corpo humano.

Mesmo atletas devem sempre conversar com o nutricionista antes de optar por suplementos.

 

Gostou do artigo? Curta e compartilhe com seus amigos!

 






DICAS RELACIONADAS


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Ir para o topo

Copyright© 2018 Dicas de Treino.