Para que serve o BCAA? Saiba como e porque tomar para o Ganho de Massa Muscular

Para que serve o BCAA? Saiba como e porque tomar para o Ganho de Massa Muscular
Whey Protein Growth
Whey Protein Growth
Whey Protein Growth
Whey Protein Growth

Para que serve o BCAA é o tipo de informação primordial para quem está iniciando na  suplementação e busca o melhor para atingir a alta performance.

BCAA é um entre dezenas de suplementos, utilizados principalmente por quem pratica musculação e que, obviamente, deseja ganhar massa muscular.

O significado das siglas B C A A, vem do inglês e equivale a Branched-Chain Amino Acids, o que para nós quer dizer aminoácidos de cadeia ramificada.

Na sua essência, 3 importantes aminoácidos estão presentes (L-Leucina, L-Valina, L-Isoleucina).


Os quais chamamos de essenciais e que de acordo com Food and Agriculture Organization devem ocupar mais de 45% da dieta todos os dias.

De antemão, podemos dizer que aminoácidos são importantíssimos, de longe os mais relevantes para ganho de massa, mas, quais as particularidades dos chamados BCAA’s?

É o que veremos a partir de agora!

Por isso convidamos a ler todo o artigo, preparado especialmente para auxiliar iniciantes e veteranos no uso de suplementos!

 

O que é o BCAA?

 

Cientificamente falando, BCAA’s são moléculas orgânicas, formadas essencialmente por dois grupos: amina e carboxila, respectivamente representados por NH2 e COOH.

Todos os aminoácidos (essenciais e não essenciais) como veremos em mais detalhes adiante, são responsáveis por funções orgânicas.

Entre algumas podemos citar:

  • A síntese de proteínas que levam a formação de tecidos para revestir órgãos (tecido conjuntivo);
  • Auxiliam na secreção de hormônios;
  • Servem para desenvolvimento de cartilagens e também compor músculos.

São dois grupos de aminoácidos na verdade, os chamados não essenciais (12 no total) e os essenciais , que são 8 no total,  cujo BCAA faz parte.

Os 3 aminoácidos (Isoleucina, Valina e Leucina) são significativos para formar o músculo esquelético, e dependem da ligação peptídica (agrupamento de carboxila com amina) para se ligarem e formarem uma molécula.

Já são mais de 30 anos de estudos sobre para que serve o BCAA, especialmente com pesquisas para compreender a relevância entre os quase 300 tipos presentes no organismo, de 8 chamados primários.

Especificamente esses 3 citados acima, e com destaque para a Leucina, subsídios científicos reforçam o quanto são importantes para a síntese de proteínas, mas não apenas isso.


Porque o efeito de controle sobre a fadiga central, para quem usa BCAA é relevante, sem falar que auxilia em processos anti-catabólicos.

Em suma, em cada frasco de suplementos a base de BCAA que irá consumir doses de elementos importantes para ganho de massa.

Porém, é importante lembrar que atuam por diferentes caminhos, como veremos a partir de agora.

 

Para que serve o BCAA quando pensamos em síntese de proteínas?

 

Como dito, aminoácidos de cadeia ramificada desempenham papel importantíssimo na síntese de proteínas.

Mas o que isso significa exatamente?

Uma série enorme de aminoácidos se ligam para:

Creatina Growth
Creatina Growth
Creatina Growth
creatina Growth
  • Formar tecidos;
  • Criar os sistema imunológico;
  • Regular atividades de órgãos;
  • Transportar hemoglobina;
  • Controlar atividades ergo dinâmicas, como por exemplo contração muscular.

Entre outras coisas…

Esses aminoácidos, através do processo de síntese, interagem seguindo um complexo e rigoroso processo que envolve três etapas:

  1. Transcrição
  2. Transporte
  3. Tradução

Desde que foi possível entender mais e melhor sobre o DNA (anos 50 para sermos exatos) compreende-se também a plena relação entre a síntese proteica e a formação de proteína.

Levando então a uma série de inventos para melhorar o processo.

Pressupostamente é no DNA que códigos para produzir cada molécula de proteína estão alojados.

Sabe-se ao certo que proteínas são primordiais para que células funcionem simultaneamente, e ao longo da vida, isso porque: oportunizam processo biológicos, inclusive alguns muito específicos de seres humanos.

Sem a ocorrência da síntese de proteínas – termo usado intensamente no universo da musculação – não temos vida.

Diante deste contexto, já podemos compreender para que serve o BCAA, concorda?

Pois, como precursor de aminoácidos, de uma forma eficiente atuará diretamente na composição celular de músculos e outros órgãos.

Mas, há ainda outras atuações deste importante suplemento as quais passamos a pontuar agora.

 

BCAA ajuda no ganho de massa muscular?

 

Um dos motivos mais latentes quando se pergunta para que serve BCAA é sem dúvida sua relação como o ganho de massa.

Pois esse acréscimo dos 3 aminoácidos citados, extremamente importantes, e que dificilmente seriam entregues ao organismo através da dieta, garantem muita positividade na síntese de proteínas.

Todos sabemos que quando nos exercitamos e ainda mais na musculação, o processo que leva ao catabolismo é mesmo muito rápido.

Catabolismo é um caminho ‘curto’ e cruel para perda de massa magra.

Isso porque o organismo funciona em sincronia (uma ação leva a outra).

Leia também:

BCAA – O que é, para que serve, benefícios, função, colaterais e como tomar

BCAA engorda ou emagrece? Faz Mal? Como Tomar Corretamente?

CREATINA – O que é, para que serve, benefícios, função, colaterais e como tomar

Quem tem Pedra nos Rins pode tomar Creatina? (todo cuidado é pouco)

WHEY PROTEIN: O que é, para que serve, benefícios, função, colaterais, como tomar

HIPERCALÓRICO: O que é, para que serve, benefícios, função, colaterais, como tomar

Logo, se estamos próximos da fadiga decorrente de um treino, por exemplo, automaticamente o músculo, que já consumiu reservas de glicogênio e de aminoácidos na célula, emite sinais para buscar a proteína que está no músculo.

Situação que é amparada e redirecionada quando usamos suplementos.

Porque esse ‘reforço’ garantem o aporte de aminoácidos que evitam o estado catabólico, mesmo em situações de treinos puxados.

Sendo assim, as chances de ocorrer o inverso, ou seja, anabolismo é bem maior!

 

BCAA para Recuperação Muscular

 

Todo tipo de atividade física exige esforço. Na musculação não é diferente!

Manipular músculos leva a um certo nível de lesões, essas chamadas de micro, porém, são justamente essas que resultam em crescimento muscular.

A fadiga muscular benéfica atinge o ápice com o uso de suplemento para então chegar a hipertrofia.

Neste caso, o BCAA não é apenas um reparador, mas sim, serve também como preventivo, em especial para aqueles que treinam muito.

 

BCAA ajuda a evitar o cansaço mental e físico

 

Muitas pesquisas, inclusive já mencionadas por na Revista Brasileira de Medicina e Esportes em 2008, instigam quanto o consumo de BCAA concomitante com atividade física potencializam a secreção de Triptofano.


Como falamos, no organismo, uma coisa leva a outra e mais Triptofano também mais síntese de serotonina (importante neurotransmissor) se fará presente.

Para todas as pessoas, elementos como o Triptofano e serotonina dentro de níveis recomendados é de suma importância para garantir disposição neural, que inclui:

  • Energia para treinar, trabalhar, etc;
  • Regular o humor;
  • Controlar o apetite e o sono;
  • Monitorar comportamentos;
  • Manter equilíbrio no ritmo cardíaco;
  • Retardo na fadiga em até 15% conforme muitas pesquisas já demonstraram.

E por isso que é recomendado consumir BCAA antes do treino, como veremos mais adiante.

 

Outros benefícios do BCAA

 

Talvez esteja surpreso com as várias vertentes para responder a pergunta para que serve o BCAA.

Pois, além dessas 3 vantagens para ganho de massa, BCAA ainda contribui para outras melhorias de um modo geral.

E a biodisponibilidade rápida é uma dessas.

Suplementos com BCAA’s não precisam da metabolização primária pelo fígado, pois entra direto na estrutura de tecidos, logo após ser absorvido pelo intestino.

Outra importante vantagem com o uso de BCAA é o fato de contribuir para o emagrecimento.

Em um estudo, vários voluntários receberam suplementação com BCAA durante 60 dias.

Enquanto isso, outro, recebeu placebo, ambos praticaram atividades físicas no período, inclusive com a mesma dieta.


Entretanto, ao final, o grupo de voluntários suplementados apresentaram redução significativa no peso corporal, porém com excelente ganho em massa magra.

O referido estudo foi publicado no Journal of International Society of Sports Nutrition, e reforça estudo feitos aqui no Brasil, os quais focaram no elemento Leucina do BCAA.

É sabido que este aminoácido contribui substancialmente para o emagrecimento, diminuindo a gordura corporal, graças ao estímulo para usá-la como recurso energético.

 

Abaixo a Nutricionista Patricia Leite explica de forma simples e direta os benefícios dos BCAA’s, veja:

 

Onde conseguir BCAA  de forma natural?

 

Como falamos, fontes naturais desta cadeia de aminoácidos são acessíveis através da alimentação, e entre as mais importantes estão:

  • Carne vermelha;
  • Carne de frango;
  • Peixes
  • Leite
  • Castanhas;
  • Centeio;
  • Ervilha;
  • Feijão;
  • Berinjela;
  • Milho.

E outros.

Entretanto, pessoas que se exercitam regularmente, que estão doentes e que não conseguem se alimentar adequadamente:

 

O suplemento BCAA é importante?

Tanto na versão em pó, como em cápsulas, a proposta da suplementação torna dinâmica a nutrição funcional.

Justamente porque é pensada para atender demandas diárias de aminoácidos de cadeia ramificada.

Bons exemplos são os suplementos de BCAA da Growth Supplements, que:

Na versão em pó oferece 3570 mg de Leucina a cada 5 gramas.

Na versão em cápsulas 1000 mg de Leucina são oferecidos em 2 gramas.

 

Como tomar BCAA para melhorar o ganho de massa?

Como pode perceber para que serve o BCAA já não é mais dúvida.

Entretanto, como estamos falando de um suplemento funcional, moderno e repleto de benefícios, o ideal que siga criteriosamente as regras de consumo.

O BCAA na versão cápsula, é ideal que seja consumido entre meia hora e uma hora antes ou após o treino.

Inclusive pode ser ingerido com os tradicionais shakes à base de frutas e outros suplementos.

Já na versão em pó, recomenda-se o consumo dissolvido em água de preferência.

Contudo, nada impede de tomá-lo com suco de frutas natural ou mesmo com shake.

 

Mas atenção:

Sempre que iniciar uma nova suplementação ou mesmo se deseja tomar BCAA pela primeira vez é importante consultar um profissional da área de nutrição.

Pois assim receberá orientação sobre quantidade e horário para usar.

 

Onde comprar BCAA?

O BCAA é um suplemento mundialmente conhecido.

Justamente por isso a comercialização é viabilizada em lojas especializadas, farmácias, academias, sites na internet e até em espaços inusitados como supermercados.

Porém, comprar de fabricantes é vantajoso, principalmente para garantir um produto de qualidade, que não ofereça riscos a saúde por conter outros aditivos.

Na Growth Supplements, por exemplo, além da autenticidade, é possível encontrar BCAA em todas as suas versões, com valores muito interessantes, que chegam até 40% a menos que lojas convencionais. Clique aqui e confira!

 

Uma análise final sobre para que serve o BCAA

Como visto neste artigo, suplementar para ganhar massa muscular é uma via segura, desde que esteja dentro de um propósito e um programa, que obviamente envolve:

  • Seguir uma dieta com foco em melhorar a massa muscular;
  • Praticar treinos organizados, consistentes e regulares;
  • Dormir e descansar, mente e músculos;
  • Monitorar a saúde de um modo geral.

Felizmente BCAA tem excelente nível de segurança!

Principalmente por não gerar acúmulos no fígado e rins, órgãos mais afetados quando o consumo de suplementos é inapropriado.

Mas, se caso seja usuário de medicamentos como corticosteroides, controladores de glicose, hormônios para tratar tireóide e outras drogas só use BCAA mediante orientação e supervisão de um médico.

 

No mais…

Aproveite as vantagens deste suplemento para melhorar a massa e mantê-la por um longo prazo!

E, se ainda em dúvidas sobre para que serve BCAA, não hesite, entre em contato.

Será um imenso prazer ajudar!

 

Referências

Evans WJ. Muscle damage: nutritional considerations. International journal of sport nutrition. 1991.

Blomstrand E. A role for branched-chain amino acids in reducing central fatigue. The Journal of nutrition. 2006.

Pinheiro JL, Pinheiro, João. Aminoácidos de Cadeia Ramificada e Fadiga Central. Rev Medicina Desportiva. 2016.

 

Chamada Grupo Whats
Chamada Grupo Whats
Chamada Grupo Whats
Chamada Grupo Whats

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui