05 dez

Para que serve o BCAA? Saiba como e porque tomar para o Ganho de Massa Muscular

Para que serve o BCAA? Saiba como e porque tomar para o Ganho de Massa Muscular

Para que serve o BCAA é o tipo de informação primordial para quem está iniciando na  suplementação e busca o melhor para atingir a alta performance.

BCAA é um entre dezenas de suplementos, utilizados principalmente por quem pratica musculação e que, obviamente, deseja ganhar massa muscular.

O significado das siglas B C A A, vem do inglês e equivale a Branched-Chain Amino Acids, o que para nós quer dizer aminoácidos de cadeia ramificada.

Na sua essência, 3 importantes aminoácidos estão presentes (L-Leucina, L-Valina, L-Isoleucina).

Os quais chamamos de essenciais e que de acordo com Food and Agriculture Organization devem ocupar mais de 45% da dieta todos os dias.

De antemão, podemos dizer que aminoácidos são importantíssimos, de longe os mais relevantes para ganho de massa, mas, quais as particularidades dos chamados BCAA’s?

É o que veremos a partir de agora!

Por isso convidamos a ler todo o artigo, preparado especialmente para auxiliar iniciantes e veteranos no uso de suplementos!

 

O que é o BCAA?

 

Cientificamente falando, BCAA’s são moléculas orgânicas, formadas essencialmente por dois grupos: amina e carboxila, respectivamente representados por NH2 e COOH.

Todos os aminoácidos (essenciais e não essenciais) como veremos em mais detalhes adiante, são responsáveis por funções orgânicas.

Entre algumas podemos citar:

  • A síntese de proteínas que levam a formação de tecidos para revestir órgãos (tecido conjuntivo);
  • Auxiliam na secreção de hormônios;
  • Servem para desenvolvimento de cartilagens e também compor músculos.

São dois grupos de aminoácidos na verdade, os chamados não essenciais (12 no total) e os essenciais , que são 8 no total,  cujo BCAA faz parte.

Os 3 aminoácidos (Isoleucina, Valina e Leucina) são significativos para formar o músculo esquelético, e dependem da ligação peptídica (agrupamento de carboxila com amina) para se ligarem e formarem uma molécula.

Já são mais de 30 anos de estudos sobre para que serve o BCAA, especialmente com pesquisas para compreender a relevância entre os quase 300 tipos presentes no organismo, de 8 chamados primários.

Especificamente esses 3 citados acima, e com destaque para a Leucina, subsídios científicos reforçam o quanto são importantes para a síntese de proteínas, mas não apenas isso.

Porque o efeito de controle sobre a fadiga central, para quem usa BCAA é relevante, sem falar que auxilia em processos anti-catabólicos.

Em suma, em cada frasco de suplementos a base de BCAA que irá consumir doses de elementos importantes para ganho de massa.

Porém, é importante lembrar que atuam por diferentes caminhos, como veremos a partir de agora.

 

Para que serve o BCAA quando pensamos em síntese de proteínas?

 

Como dito, aminoácidos de cadeia ramificada desempenham papel importantíssimo na síntese de proteínas.

Mas o que isso significa exatamente?

Uma série enorme de aminoácidos se ligam para:

  • Formar tecidos;
  • Criar os sistema imunológico;
  • Regular atividades de órgãos;
  • Transportar hemoglobina;
  • Controlar atividades ergo dinâmicas, como por exemplo contração muscular.

Entre outras coisas…

Esses aminoácidos, através do processo de síntese, interagem seguindo um complexo e rigoroso processo que envolve três etapas:

  1. Transcrição
  2. Transporte
  3. Tradução

Desde que foi possível entender mais e melhor sobre o DNA (anos 50 para sermos exatos) compreende-se também a plena relação entre a síntese proteica e a formação de proteína.

Levando então a uma série de inventos para melhorar o processo.

Pressupostamente é no DNA que códigos para produzir cada molécula de proteína estão alojados.

Sabe-se ao certo que proteínas são primordiais para que células funcionem simultaneamente, e ao longo da vida, isso porque: oportunizam processo biológicos, inclusive alguns muito específicos de seres humanos.

Sem a ocorrência da síntese de proteínas – termo usado intensamente no universo da musculação – não temos vida.

Diante deste contexto, já podemos compreender para que serve o BCAA, concorda?

Pois, como precursor de aminoácidos, de uma forma eficiente atuará diretamente na composição celular de músculos e outros órgãos.

Mas, há ainda outras atuações deste importante suplemento as quais passamos a pontuar agora.

 

BCAA ajuda no ganho de massa muscular?

 

Um dos motivos mais latentes quando se pergunta para que serve BCAA é sem dúvida sua relação como o ganho de massa.

Pois esse acréscimo dos 3 aminoácidos citados, extremamente importantes, e que dificilmente seriam entregues ao organismo através da dieta, garantem muita positividade na síntese de proteínas.

Todos sabemos que quando nos exercitamos e ainda mais na musculação, o processo que leva ao catabolismo é mesmo muito rápido.

Catabolismo é um caminho ‘curto’ e cruel para perda de massa magra.

Isso porque o organismo funciona em sincronia (uma ação leva a outra).

Leia também:

BCAA – O que é, para que serve, benefícios, função, colaterais e como tomar

BCAA engorda ou emagrece? Faz Mal? Como Tomar Corretamente?

CREATINA – O que é, para que serve, benefícios, função, colaterais e como tomar

Quem tem Pedra nos Rins pode tomar Creatina? (todo cuidado é pouco)

WHEY PROTEIN: O que é, para que serve, benefícios, função, colaterais, como tomar

HIPERCALÓRICO: O que é, para que serve, benefícios, função, colaterais, como tomar

Logo, se estamos próximos da fadiga decorrente de um treino, por exemplo, automaticamente o músculo, que já consumiu reservas de glicogênio e de aminoácidos na célula, emite sinais para buscar a proteína que está no músculo.

Situação que é amparada e redirecionada quando usamos suplementos.

Porque esse ‘reforço’ garantem o aporte de aminoácidos que evitam o estado catabólico, mesmo em situações de treinos puxados.

Sendo assim, as chances de ocorrer o inverso, ou seja, anabolismo é bem maior!

 

Whey Protein GrowthWhey Protein Growth

BCAA para Recuperação Muscular

 

Todo tipo de atividade física exige esforço. Na musculação não é diferente!

Manipular músculos leva a um certo nível de lesões, essas chamadas de micro, porém, são justamente essas que resultam em crescimento muscular.

A fadiga muscular benéfica atinge o ápice com o uso de suplemento para então chegar a hipertrofia.

Neste caso, o BCAA não é apenas um reparador, mas sim, serve também como preventivo, em especial para aqueles que treinam muito.

 

BCAA ajuda a evitar o cansaço mental e físico

 

Muitas pesquisas, inclusive já mencionadas por na Revista Brasileira de Medicina e Esportes em 2008, instigam quanto o consumo de BCAA concomitante com atividade física potencializam a secreção de Triptofano.

Como falamos, no organismo, uma coisa leva a outra e mais Triptofano também mais síntese de serotonina (importante neurotransmissor) se fará presente.

Para todas as pessoas, elementos como o Triptofano e serotonina dentro de níveis recomendados é de suma importância para garantir disposição neural, que inclui:

  • Energia para treinar, trabalhar, etc;
  • Regular o humor;
  • Controlar o apetite e o sono;
  • Monitorar comportamentos;
  • Manter equilíbrio no ritmo cardíaco;
  • Retardo na fadiga em até 15% conforme muitas pesquisas já demonstraram.

E por isso que é recomendado consumir BCAA antes do treino, como veremos mais adiante.

 

Outros benefícios do BCAA

 

Talvez esteja surpreso com as várias vertentes para responder a pergunta para que serve o BCAA.

Pois, além dessas 3 vantagens para ganho de massa, BCAA ainda contribui para outras melhorias de um modo geral.

E a biodisponibilidade rápida é uma dessas.

Suplementos com BCAA’s não precisam da metabolização primária pelo fígado, pois entra direto na estrutura de tecidos, logo após ser absorvido pelo intestino.

Outra importante vantagem com o uso de BCAA é o fato de contribuir para o emagrecimento.

Em um estudo, vários voluntários receberam suplementação com BCAA durante 60 dias.

Enquanto isso, outro, recebeu placebo, ambos praticaram atividades físicas no período, inclusive com a mesma dieta.

Entretanto, ao final, o grupo de voluntários suplementados apresentaram redução significativa no peso corporal, porém com excelente ganho em massa magra.

O referido estudo foi publicado no Journal of International Society of Sports Nutrition, e reforça estudo feitos aqui no Brasil, os quais focaram no elemento Leucina do BCAA.

É sabido que este aminoácido contribui substancialmente para o emagrecimento, diminuindo a gordura corporal, graças ao estímulo para usá-la como recurso energético.

 

Abaixo a Nutricionista Patricia Leite explica de forma simples e direta os benefícios dos BCAA’s, veja:

 

Onde conseguir BCAA  de forma natural?

 

Como falamos, fontes naturais desta cadeia de aminoácidos são acessíveis através da alimentação, e entre as mais importantes estão:

  • Carne vermelha;
  • Carne de frango;
  • Peixes
  • Leite
  • Castanhas;
  • Centeio;
  • Ervilha;
  • Feijão;
  • Berinjela;
  • Milho.

E outros.

Entretanto, pessoas que se exercitam regularmente, que estão doentes e que não conseguem se alimentar adequadamente:

 

O suplemento BCAA é importante?

Tanto na versão em pó, como em cápsulas, a proposta da suplementação torna dinâmica a nutrição funcional.

Justamente porque é pensada para atender demandas diárias de aminoácidos de cadeia ramificada.

Bons exemplos são os suplementos de BCAA da Growth Supplements, que:

Na versão em pó oferece 3570 mg de Leucina a cada 5 gramas.

Na versão em cápsulas 1000 mg de Leucina são oferecidos em 2 gramas.

 

Como tomar BCAA para melhorar o ganho de massa?

Como pode perceber para que serve o BCAA já não é mais dúvida.

Entretanto, como estamos falando de um suplemento funcional, moderno e repleto de benefícios, o ideal que siga criteriosamente as regras de consumo.

O BCAA na versão cápsula, é ideal que seja consumido entre meia hora e uma hora antes ou após o treino.

Inclusive pode ser ingerido com os tradicionais shakes à base de frutas e outros suplementos.

Já na versão em pó, recomenda-se o consumo dissolvido em água de preferência.

Contudo, nada impede de tomá-lo com suco de frutas natural ou mesmo com shake.

 

Mas atenção:

Sempre que iniciar uma nova suplementação ou mesmo se deseja tomar BCAA pela primeira vez é importante consultar um profissional da área de nutrição.

Pois assim receberá orientação sobre quantidade e horário para usar.

 

Onde comprar BCAA?

O BCAA é um suplemento mundialmente conhecido.

Justamente por isso a comercialização é viabilizada em lojas especializadas, farmácias, academias, sites na internet e até em espaços inusitados como supermercados.

Porém, comprar de fabricantes é vantajoso, principalmente para garantir um produto de qualidade, que não ofereça riscos a saúde por conter outros aditivos.

Na Growth Supplements, por exemplo, além da autenticidade, é possível encontrar BCAA em todas as suas versões, com valores muito interessantes, que chegam até 40% a menos que lojas convencionais. Clique aqui e confira!

 

Uma análise final sobre para que serve o BCAA

Como visto neste artigo, suplementar para ganhar massa muscular é uma via segura, desde que esteja dentro de um propósito e um programa, que obviamente envolve:

  • Seguir uma dieta com foco em melhorar a massa muscular;
  • Praticar treinos organizados, consistentes e regulares;
  • Dormir e descansar, mente e músculos;
  • Monitorar a saúde de um modo geral.

Felizmente BCAA tem excelente nível de segurança!

Principalmente por não gerar acúmulos no fígado e rins, órgãos mais afetados quando o consumo de suplementos é inapropriado.

Mas, se caso seja usuário de medicamentos como corticosteroides, controladores de glicose, hormônios para tratar tireóide e outras drogas só use BCAA mediante orientação e supervisão de um médico.

 

No mais…

Aproveite as vantagens deste suplemento para melhorar a massa e mantê-la por um longo prazo!

E, se ainda em dúvidas sobre para que serve BCAA, não hesite, entre em contato.

Será um imenso prazer ajudar!

 

Referências

Evans WJ. Muscle damage: nutritional considerations. International journal of sport nutrition. 1991.

Blomstrand E. A role for branched-chain amino acids in reducing central fatigue. The Journal of nutrition. 2006.

Pinheiro JL, Pinheiro, João. Aminoácidos de Cadeia Ramificada e Fadiga Central. Rev Medicina Desportiva. 2016.

 






DICAS RELACIONADAS


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Ir para o topo

Copyright© 2018 Dicas de Treino.